Brasileirão Série A

Flamengo conta com brilho de joia para transformar protesto em festa contra o Corinthians

Lorran tem atuação maiúscula com gol e assistência, e o Flamengo vence o Corinthians para retomar a confiança na temporada

O Flamengo venceu o Corinthians por 2 a 0 na tarde deste sábado (11), em jogo válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Pedro e Lorran marcaram os gols do Rubro-Negro, um em cada tempo. A equipe de Tite teve uma atuação bem interessante, com volume e domínio sobre um Timão que errou na estratégia e não soube voltar para o duelo.

Acima do resultado em si, a partida serviu para recuperar um pouco a sinergia entre Flamengo e torcida no Maracanã. O clima antes da bola rolar era pesado, mas ficou leve conforme o tempo foi passado. Tite ganha um respiro.

O que aconteceu de melhor no jogo?

  • O Corinthians teve a primeira chance de cabeça, mas, depois, só deu Flamengo;
  • Ayrton Lucas acertou a trave, e o gol de Pedro (com linda assistência de Lorran) veio para dar tranquilidade;
  • António Oliveira mexeu no intervalo, e o Corinthians esteve perto de marcar. Rossi impediu;
  • Lorran consagrou sua tarde de festa com um belo gol;
  • O clima no Maracanã, que era de protesto, acabou em festa para a torcida do Flamengo.
Pedro comemora seu gol contra o Corinthians, pelo Brasileirão (Foto: Divulgação/Flamengo)

Primeiro tempo todo do Flamengo

A pressão pareceu ter surtido efeito. O Flamengo não entrava ligado assim em uma partida há algum tempo. A primeira chance até foi do Corinthians, em bola aérea, mas, depois disso, só deu o Rubro-Negro no Maracanã. Mais incisivo, o Rubro-Negro soube aproveitar os espaços da defesa paulista para empilhar chances e também teve mais confiança para finalizar de fora da área.

O gol era questão de tempo, e ele veio antes dos 20 minutos. Lorran, um dos mais participativos, achou Pedro, que deixou o zagueiro no chão antes de contar com a colaboração de Carlos Miguel para marcar.

O retrancado Corinthians de António Oliveira facilitou a vida do Flamengo, que controlava o jogo sem sofrer com os contra-ataques do adversário, sempre na base do lançamento. Lorran poderia ter ampliado, assim como Ayrton Lucas, mas acabaram falhando na hora de finalizar. O torcedor rubro-negro pôde sorrir ao fim de um primeiro tempo que animou.

Lorran dá tranquilidade em momento fundamental

Como tem sido nos últimos jogos, o Flamengo voltou para o segundo tempo um pouco disperso, e os primeiros 15 minutos foram mais do Corinthians. Yuri Alberto teve a chance de cabeça e, depois disso, em cobrança de escanteio, Rossi precisou operar dois milagres para salvar o empate do Timão. Quando o Rubro-Negro parecia flertar com o perigo, brilhou a estrela de Lorran.

O Garoto do Ninho já havia concedido a assistência para Pedro, mas apareceu novamente em falha da defesa do Corinthians. Lorran roubou a bola, passou para Gerson e recebeu passe açucarado de volta para deslocar Carlos Miguel e decretar o 2 a 0 no placar. O Maracanã veio abaixo.

O segundo gol deu tranquilidade ao Flamengo, que soube administrar na reta final sem passar sustos. Vitória importantíssima não só para se recolocar em condição de G-4 no Brasileirão, mas para retomar a confiança após período difícil.

Torcida protesta, mas termina sorrindo no Maracanã

Diante do mau momento da equipe, a torcida do Flamengo preparou mais protestos nas arquibancadas do Maracanã. Apenas faixas de cobrança foram exibidas por parte das organizadas. Nação 12 e Urubuzada prepararam duas, com os seguintes dizeres: “Viemos pelo manto, não por vocês” e “Respeitem a Nação”. Alguns atletas, como Gerson, foram vaiados no anúncio da escalação.

A partir do apito inicial foi outra história. As organizadas se uniram, e os jogadores corresponderam esse carinho dentro de campo, com boa atuação diante do Corinthians. Após o segundo gol, marcado por Lorran, o clima no Maracanã foi de festa.

O nome do jogo: Lorran

E não poderia ser diferente. Partida de gala do Garoto do Ninho atuando como camisa 10 na criação, participou de praticamente todas as jogadas de perigo do Flamengo no jogo. Os gols, inclusive, saíram dos pés do Rugal: primeiro, ele deu linda assistência para Pedro marcar e, depois, recebeu livre de Gerson e mandou para o fundo das redes.

Lorran e a sua tradicional comemoração do Rugal (Foto: Lucas Bayer)

E agora, Flamengo?

O próximo compromisso do Flamengo é pela Copa Libertadores, válido pela quinta rodada do Grupo E, quando Tite e companhia receberão o Bolívar, no Maracanã. O jogo será disputado nesta quarta-feira (15), a partir das 21h30 (de Brasília) e vale a vida na competição mais importante da América ao Rubro-Negro.

Foto de Guilherme Xavier

Guilherme Xavier

É repórter na cobertura do Flamengo há três anos, com passagens por Lance! e Coluna do Fla. Fã de Charlie Brown Jr e enxadrista. Viver pra ser melhor também é um jeito de levar a vida!
Botão Voltar ao topo