Brasileirão Série A

Cássio entrega, Corinthians afunda em seis minutos e é derrotado pelo Juventude

Com atuação desastrosa no segundo tempo, Corinthians perde por 2 a 0 para o Juventude

Desde que estreou no Campeonato Brasileiro, o Corinthians tem produzido pouco. Nesta quarta-feira (17), o Timão teve uma apresentação desastrosa no segundo tempo e foi derrotado por 2 a 0 pelo Juventude, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela segunda rodada da competição. Além do placar, a noite foi de outras péssimas memórias, isso porque Cássio voltou a falhar no gol e Maycon sofreu uma nova lesão.

Com o resultado, a equipe alvinegra agora encosta na zona de rebaixamento da tabela, na 16ª posição, com apenas um ponto somado. O Juventude vai a quatro e entra provisoriamente na zona de classificação para a Libertadores.

O Timão volta a campo no próximo sábado (20), às 18h30 (horário de Brasília), contra o Bragantino, fora de casa, pela terceira rodada do Brasileirão.

 

Estilo interessante com Garro e Coronado

O Corinthians aparentava ter encontrado uma nova dupla dinâmica no meio de campo com Igor Corona e Rodrigo Garro iniciando a partida juntos, como titulares. Os dois se procuraram muito ao longo da primeira etapa, trocaram passes bonitos e criaram boas chances. No entanto, faltou capricho para aproveitar. Em duas oportunidades de finalização, Yuri Alberto não concluiu bem e não conseguiu tirar o zero do placar. Romero também pouco apareceu.

Foi aí que o Juventude começou a gostar da partida. A equipe da casa se lançou mais ao ataque e chegou a assustar Cássio, na marca dos 41 minutos. Jean Carlos finalizou de fora da área, e o goleiro espalmou.

Cássio falha e Corinthians tem pane

Se na etapa inicial foi Cássio quem salvou o Corinthians, na final ele foi o vilão. Logo aos 7 minutos, Jean Carlos abriu o placar numa bomba de bem longe. O camisa 12 fez a ponte em câmera lenta e não conseguiu defender a bola que morreu no cantinho direito. A bola era defensável, mas surpreendeu o arqueiro.

No entanto, seis minutos mais tarde, Cássio entregou um gol de bandeja ao time gaúcho — e de forma bizarra. O goleiro errou feio o passe na saída de bola e, mais uma vez, Jean Carlos estava atento para atazanar a defesa corintiana. O meia recuperou a posse na área e tocou liso para Lucas Barbosa. Com a meta totalmente exposta, ele só completou para estufar as redes.

Depois disso, o Timão não conseguiu mais se encontrar dentro de campo. Até chegou a causar desconforto à zaga adversária em uma cabeçada de Pedro Raul, que assumiu a vaga de Yuri Alberto, mas não passou disso. Em vários momentos, o Juventude ficou mais próximo de marcar o terceiro do que o Corinthians de diminuir o placar.

Maycon sofre nova lesão

Uma das escolhas de Bruno Lazaroni — que assumiu o lugar de António Oliveira na área técnica — na segunda etapa, Maycon ficou menos de 20 minutos em campo. O jogador, que havia retornado ao banco de reservas na estreia pelo Brasileirão, após mais de um mês afastado por lesão, teve uma recaída.

Após uma dividida, em um de seus primeiros toques na bola, o meia caiu aflito, levando as mãos ao joelho. Ele foi substituído por Paulinho e precisou ser consolado pelos companheiros na área técnica.

Maycon virou desfalque para o Timão antes do confronto contra o São Bernardo, pela segunda rodada da Copa do Brasil, ainda em março. Ele sentiu uma fisgada na coxa direita ainda no aquecimento.

Corinthians mantém sequência negativa no Alfredo Jaconi

Jogando na casa do Juventude, o Corinthians continua com um saldo negativo. Contando com a partida desta quarta, o Timão disputou 14 partidas em Caxias do Sul, sendo sete derrotas, três empates e quatro vitórias.

Foto de Livia Camillo

Livia Camillo

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário FIAM-FAAM, escreve sobre futebol há cinco anos e também fala sobre games e cultura pop por aí. Antes, passou por Terra, UOL, Riot Games Brasil e por agências de assessoria de imprensa e criação de conteúdo online.
Botão Voltar ao topo