Brasil

‘Ainda não caiu a ficha’: jogador mais caro da história do Botafogo, Luiz Henrique diz estar pronto para estrear

Atacante Luiz Henrique, anunciado na última semana, desembarcou no Rio de Janeiro na noite de domingo e deixou em aberto a possibilidade de estrear pelo Botafogo no clássico com o Flamengo, na quarta

O atacante Luiz Henrique, enfim, desembarcou no Rio de Janeiro para reforçar o Botafogo. Anunciado na última quinta-feira (1), o jogador chegou na capital carioca no fim da noite e foi recebido por um grupo de torcedores que aguardavam a contratação mais cara da história do clube. Agora, já se inicia a expectativa pela estreia de Luiz Henrique com a camisa alvinegra, o que não deve demorar para acontecer.

Ao falar pela primeira vez com a imprensa como jogador do Botafogo, Luiz Henrique mostrou orgulho por ser a contratação mais cara da história do futebol brasileiro (em números absolutos). A compra do atacante, que estava no Real Betis, da Espanha, pode chegar a 20 milhões de euros (R$ 106,6 milhões), com metas e bônus.

– Ainda não caiu minha ficha, um moleque que saiu do nada e agora é o jogador mais caro do futebol brasileiro. Isso é um orgulho para mim e para a minha família. Quero fazer de tudo para ajudar o Botafogo e seguir em frente – afirmou Luiz Henrique no Aeroporto do Galeão.

O Botafogo vai pagar 16 milhões de euros (R$ 85,4 milhões) fixos pela compra de Luiz Henrique, de 23 anos. Os outros 4 milhões de euros estão atrelados ao número de jogos do atacante pelo Glorioso e a possível transferência para o Lyon, da França, clube que também pertence a John Textor. Esta ida para o time francês não tem data para acontecer, mas, por contrato, o jogador pode solicitar a transferência já na próxima janela.

Em números corrigidos pela inflação, a contratação de Luiz Henrique pelo Botafogo, se batidas as metas, será a quinta mais cara da história do futebol brasileiro. O jogador de 23 anos ficaria atrás de Tevez (Corinthians, 2004), Arrascaeta (Flamengo, 2019), Edmundo (Vasco, 1999) e Pedro (Flamengo – 2020).

Luiz Henrique indica quando pode estrear pelo Botafogo

Antes mesmo de saber quando Luiz Henrique desembarcaria no Rio de Janeiro, o Botafogo já havia se adiantado e regularizado a situação do atleta no BID da CBF. Assim, agora no Rio de Janeiro, ele já pode atuar com a camisa alvinegra. E a estreia já pode acontecer na próxima quarta-feira (7), às 21h30 (horário de Brasília), no clássico com o Flamengo, no Maracanã, pelo Campeonato Carioca.

Luiz Henrique vinha atuando pelo Real Betis e treinando sem restrições. Assim, não precisará de trabalhos específicos para recondicionamento físico. O último jogo do atacante pelo clube espanhol aconteceu no dia 27 de janeiro. Dessa forma, o próprio Luiz Henrique deixou em aberto a possibilidade de já atuar contra o Flamengo.

– Eu já vinha treinado no Betis, mesmo depois de ter acertado com o Botafogo. Estou muito bem fisicamente e quero muito ajudar – disse Luiz Henrique.

Luiz Henrique foi recebido por um grupo de torcedores do Botafogo no aeroporto do Galeão (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Data do desembarque era incógnita até depois do anúncio

Mesmo depois de anunciar Luiz Henrique, na última quinta-feira, o Botafogo ainda não sabia quando o jogador chegaria no Rio de Janeiro. A ideia do clube era contar com o atleta já na sexta-feira (2), mas o atacante tinha compromissos pessoais já marcados na Espanha e desejava ficar no país até o meio da atual semana. O estafe do jogador e os dirigentes do clube, incluindo Jhon Textor, conversaram e chegaram neste meio termo, com Luiz Henrique desembarcando no Rio de Janeiro na noite de domingo.

Botafogo e Real Betis já tinham um acerto na negociação por Luiz Henrique há cerca de duas semanas. Mas as conversas para convencerem o jogador a volta ao Brasil levaram mais tempo. A ideia do jogador era permanecer na Europa. Assim, a possível transferência para o Lyon, da França, surgiu como opção para o atacante, que assinou um contrato válido até o fim de 2028.

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor do Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo