O atacante Raheem Sterling levantou a voz para falar sobre um assunto que incomoda demais: o racismo. O jogador foi vítima mais uma vez de ofensas racistas, desta vez no jogo contra o Chelsea, em Stamford Bridge. Incomodado pela forma como a imprensa trata os jogadores negros, ele desabafou. Afirmou que a forma como a mídia retrata o jogador negro incentiva o racismo e dá exemplos. Por fim, pede tratamento igual aos jogadores.

LEIA MAIS: Cyrille Regis, o artilheiro que se tornou herói de uma geração de jogadores negros na Inglaterra

Durante o jogo contra o Chelsea, no sábado, as câmeras da transmissão do jogo mostraram um torcedor do Chelsea gritando o que supostamente são palavras racistas contra Sterling. O jogador escreveu no seu Instagram que “teve que rir” dos eventos “porque não espera coisas melhores”. Ele pede também “publicidade justa”, no que se refere aos jogadores negros.

Tanto o Chelsea quanto a Polícia Metropolitana investigam o incidente. A Football Association (FA) anunciou neste domingo que também irá investigar o assunto. “Nós levamos todas as alegações de discriminação extremamente a sério e iremos trabalhar com os clubes e as autoridades relevantes para garantir que esta questão seja tratada apropriadamente. Nós condenamos fortemente todas as formas de discriminação e encorajamos todos os torcedores e participantes que acreditam que eles foram alvo, ou testemunharam comportamento discriminatório, a reportar aos canais apropriados: a FA, as FA do Condado ou nosso parceiro Kick It Out [uma entidade que combate racismo e discriminação, parceira da FA e da Premier League]”, diz o comunicado da FA.

No lado do Chelsea, o clube promete tomar a medida mais forte possível caso seja provada a ofensa racista, enquanto a Polícia Metropolitana afirmou que tentará determinar “se quaisquer ofensas foram cometidas”.

Para exemplificar o que chamou de tratamento injusto e desigual, Sterling usou como ilustração atos similares de dois jogadores do seu clube, o Manchester City. Os novatos Tosin Adarabioyo e Phil Foden, que compraram casas para as suas mães, mas a forma como isso foi retratado difere bastante nos dois casos.

Adarabioyo, de 21 anos, está emprestado ao West Bromwich, atualmente na segunda divisão. A manchete em relação a ele é que o defensor comprou uma mansão de 2,25 milhões de libras, “apesar de nunca ter começado uma partida da Premier League”. Enquanto isso, a “Estrela do Manchester City” Phil Foden recebeu manchete por “ter comprado uma casa de 2 milhões para a sua mãe”.

“Eu apenas quero dizer, eu não sou normalmente a pessoa que fala muito, mas quando eu acho que preciso que o meu ponto seja ouvido, eu vou falar”, disse o jogador. “Em relação ao que foi dito no jogo do Chelsea, como vocês puderam ver pela minha reação, eu apenas tive que rir porque eu não espero nada melhor”, continuou o atacante.

“Por exemplo, você tem dois jovens jogadores começando as suas carreiras, os dois jogam pelo mesmo time, os dois fizeram a coisa certa. Que é comprar uma nova casa para as suas mães, que puseram muito tempo e amor em ajuda-los a chegar onde estão. Mas olho como os jornais transmitem sua mensagem para o jogador negro e o jogador branco”, explica ainda Sterling, se referindo às duas manchetes que ele ilustra no seu post, ambas do Daily Mail.

“Eu acho que isso é inaceitável. Ambos são inocentes, não fizeram nada de errado, mas pelo jeito que foi dito este jovem negro é visto sob um ponto de vista negativo. O que ajuda a alimentar o racismo é comportamento agressivo, então para todos os jornais que não entendem por que as pessoas são racistas hoje em dia, tudo que eu tenho a dizer é que pensem duas vezes em relação a divulgação justa e dar a todos os jogadores uma chance igual”, desabafa o jogador da seleção inglesa.

No Twitter, Adam Keyworth reuniu diversas manchetes falando de Sterling de modo depreciativo sem que ele tivesse qualquer culpa. Algo que merece uma reflexão intensa e urgente dos veículos ingleses – e do mundo todo, na verdade.

Veja o post de Sterling no Instagram:

Good morning I just want to say , I am not normally the person to talk a lot but when I think I need my point to heard I will speak up. Regarding what was said at the Chelsea game as you can see by my reaction I just had to laugh because I don’t expect no better. For example you have two young players starting out there careers both play for the same team, both have done the right thing. Which is buy a new house for there mothers who have put in a lot of time and love into helping them get where they are, but look how the news papers get there message across for the young black player and then for the young white payer. I think this in unacceptable both innocent have not done a thing wrong but just by the way it has been worded. This young black kid is looked at in a bad light. Which helps fuel racism an aggressive behaviour, so for all the news papers that don’t understand why people are racist in this day and age all i have to say is have a second thought about fair publicity an give all players an equal chance.

Uma publicação compartilhada por Raheem Sterling x (@sterling7) em