América do SulArgentinaLibertadores

Grupo 4: Vélez Sarsfield

VÉLEZ SÁRSFIELD

Club Atlético Vélez Sársfield
Como chegou à Libertadores: Campeão do Torneo Inicial 2012
Melhor campanha: Campeão (1994)
Campanha em 2011/12: Eliminado nas quartas-de-final

 

 

 

Destaque

Ricardo Gareca. Desde 2009 a frente do plantel Velezano, Gareca foi três vezes campeão nacional – Clausura 2009, 2011 e Inicial 2012 – e por duas vezes semifinalista continental – Copa Libertadores e Copa Sul-Americana, ambos em 2011. Centrado e ofensivo, o Tigre soube mesclar jogadores jovens e experientes, conseguiu dar solidez defensiva e verticalidade ao Fortín, que é atualmente o time mais eficiente do futebol argentino.

Ponto forte

Sistema ofensivo. A equipe é bastante vertical e explosiva. Os laterais apoiam bem e bastante – principalmente, Gino Peruzzi -, assim como os volantes. Aliás, Gareca já expressou que pretende utilizar Gago como meia pela direita, dando-o liberdade de trabalhar junto a Insúa, que atua como enganche. Enquanto, Pratto e Chucky Ferreyra, formam o doble 9, com aguçado faro de gol.

Ponto fraco

Cobertura dos laterais. Difícil encontrar um ponto realmente fraco no Fortín. Mas se há algo para ser ajustado no time é a cobertura dos laterais, que apoiam bem o ataque, mas não conseguem ter a mesma pegada na defesa. Desta forma, ficam espaços entre eles e os zagueiros. Cubero, 35 anos, e Papa, 30, já não possuem a mesma velocidade de outrora. Contudo, Peruzzi e Díaz são soluções, diga-se de passagem, para este problema.

Até onde pode ir

Pode brigar pelo título.

Time base

Vélez

Técnico: Ricardo Gareca

 

 

VOLTAR AO GUIA

 

 

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo