Alemanha

Fora de casa, Dortmund vence clássico com Schalke 04

O Borussia Dortmund aumentou a crise do Schalke 04 ao vencer os Azuis Reais por 3 a 1, neste domingo, em partida válida pela quarta rodada da Bundesliga, mesmo atuando em Gelsenkirchen, caso do rival. O resultado levou os visitantes à terceira colocação do Campeonato Alemão com 9 pontos, e afundou o time da casa na lanterna da competição, ainda sem ter conseguido um único ponto.

O Dortmund abriu o placar aos 20 minutos com o meia japonês Shinji Kagawa. O jogador cortou a bola para o meio após correr pela intermediária e chutou forte. A bola desviou na defesa e saiu do alcance de Neuer. O segundo gol saiu aos 12 minutos da etapa final, novamente com Kagawa, que recebeu cruzamento de Kuba e, com o pé esquerdo, ampliou o marcador.

Ainda deu tempo de, aos 40 minutos do segundo tempo, Robert Lewandowski fazer o terceiro, escorando de cabeça e livre de marcação, bola vinda de cobrança de escanteio, sem chances para o goleiro do Schalke. O holandês Huntelaar, aos 44, diminuiu ao desviar chute de Moritz, mas já era tarde.

Foi a primeira vitória do Dortmund no clássico do Ruhr depois de dois anos. Além disso, o resultado igualou os números históricos do confronto. Agora ambos os times contabilizam 27 vitórias, com mais 23 empates, no derby.

No outro jogo da tarde, o Bayer Leverkusen não saiu do 0 a 0 com o Nürnberg.

Confira os jogos da quarta rodada do Campeonato Alemão.

Sexta, 17/setembro
Eintracht Frankfurt 0x1 Freiburg

Sábado, 18/setembro
Bayern Munique 0x0 Köln
Werder Bremen 0x2 Mainz
Stuttgart 7×0 Mönchengladbach
Wolfsburg 2×0 Hannover 96
Kaiserslautern 2×2 Hoffenheim

Domingo, 19/setembro
St. Pauli 1×1 Hamburg
Schalke 04 1×3 Borussia Dortmund
Bayer Leverkusen 0x0 Nürnberg

Veja como ficou a classificação da Bundesliga.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo