Bundesliga

Alphonso Davies é diagnosticado com miocardite leve e é afastado dos treinos no Bayern

Recuperado da COVID-19, Davies fez exames que detectaram miocardite leve, mas em princípio isso não afeta a carreira do jogador

O Bayern de Munique terá o desfalque de Alphonso Davies por um longo tempo. O jogador foi diagnosticado com uma miocardite, uma inflamação no músculo do coração, que é leve e em princípio não irá atrapalhar sua carreira, mas que irá afastá-lo por um bom tempo, segundo o próprio clube bávaro. A informação foi confirmada por Julian Nagelsmann, técnico da equipe, em coletiva de imprensa.

VEJA TAMBÉM: Bayern foi o único dos oito principais campeões da Europa que teve lucro na temporada 2020/21

Davies não entrou em campo ainda desde que teve a COVID-19, no começo do mês. O canadense fez exames médicos de rotina no clube depois de se recuperar do vírus e foi quando uma miocardite foi constatada. Com isso, o jogador ficarás semanas de fora, o que será um problema para o Bayern, que em fevereiro tem jogos da Champions League, e para a seleção canadense, que tem jogos importantes das Eliminatórias da Copa.

“Na quinta, durante nossos exames de acompanhamento que fazemos com todos os jogos que tiveram COVID-19, detectamos sinais de miocardite leve, uma inflamação no músculo cardíaco. Ele parou de treinar por enquanto, então não estará disponível para nós por algumas semanas. Esta miocardite não é muito dramática baseado no ultrassom, mas mais simplesmente sinais de inflamação. Mesmo assim, é preciso que ele se recupere e isso sem dúvida levará algum tempo”.

“Não sabemos de onde vem. Há diferentes gatilhos para inflamação do músculo cardíaco. Frequentemente é por uma certa carga viral no corpo. Pode ser a COVID-19, mas pode ser uma infecção por influenza ou qualquer coisa assim. A miocardite já estava presente em alguns atletas antes da COVID-19. É claro, nestes tempos, há probabilidade que isso venha da COVID-19 combinada cm atividades esportivas, mas não sabemos 100%. Mas isso também não tem relevância para o resto das ações com ele. O fato é que ele tem isso. E é até modesto dizer que é uma merda, é uma grande merda”, disse o treinador, sem meias palavras.

Quando perguntado sobre a condição física dos jogadores que se recuperaram de COVID-19. “Ninguém está 100% em forma ainda. Todos tiveram tempo parado e alguns tiveram sintomas. Podemos contar com alguns jogadores novamente: Dayot Upamecano, Tanguy Nianzou, Leroy Sané, Corentin Tolisso, Imar Richards e Manuel Neuer. Eles estão disponíveis, mas ainda não estão prontos para serem titulares, exceto por Neuer. Esperamos que ele não continue recebendo muitos chutes a gol a ponto de ter que fazer 50 defesas”.

Além de Davies, quem também teve um problema físico depois da infecção da COVID-19 foi Kingsley Coman. Corentin Tolisso, porém, retorna. O Bayern enfrenta o Colônia, neste sábado, às 11h30 (horário de Brasília), com transmissão da OneFootball.

VEJA TAMBÉM: 40 gols que dimensionam por que Gerd Müller era um dos centroavantes mais letais da história

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo