Zico fugiu

Não discuto as motivações de Zico, assim como não discuto o papel que teve como jogador do Flamengo. Sua demissão, entretanto, é uma punhalada nas costas do clube. Zico fugiu do pau. Entrou no clube, deixou-o na borda da zona de rebaixamento e foi embora. Não há desculpa para isso.

O Galinho não pode ter se surpreendido com a oposição que encontrou. Se achava que ia ter vida fácil é tão ingênuo que merece pagar por isso. Não esperava o “jogo sujo”? É claro que ele viria. Não esperava fracassar? Aí são outros 500.

Depois que deixou de ser jogador de futebol, Zico somou ao fracasso como jogador na Europa uma série de outros fracassos. Fracassou como técnico, como político e agora como dirigente. Nesse último caso, nem insistiu. Quando ficou difícil pulou fora.

Zico é uma daquelas vacas sagradas que não podem ser criticadas. É fato indiscutível, entretanto, que trai, com seu pedido de demissão, a massa rubro-negra. Repito: entrou, arrastou o time para a beira do abismo e fugiu. Se fosse um Luxemburgo da vida, ninguém pouparia.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo