Liga EuropaSem categoria

Huntelaar marca três e leva Schalke adiante na LE

O Schalke 04 garantiu sua presença nas quartas de final da Liga Europa com uma goleada em casa contra o Twente. Não foi preciso mais do que o artilheiro Klas-Jan Huntelaar para que o time goleasse e eliminasse os holandeses da Liga Europa na Veltins Arena, em Gelsenkirchen.

Só que o jogo teve um pouco de drama. Afinal, o Twente tinha vencido o primeiro jogo e assustou os torcedores do time da casa. O primeiro gol saiu aos 14 minutos do primeiro tempo. Em jogada trabalhada pelo meio, o atacante Luuk De Jong – que marcou o gol da vitória em Enschede – tocou para Nacer Chadli, que encontrou Willen Jansen livre para tocar com categoria e balançar as redes.

Os Azuis Reais, claro, partiram para cima dos holandeses. Aos 29 minutos, conseguiram o empate. Julian Draxler fez grande jogada pela esquerda, partiu para cima do marcador, foi à linha de fundo e cruzou na cabeça de Klaas-Jan Huntelaar: 1 a 1.

No segundo tempo, o time de Gelsenkirchen foi para cima. Aos dez minutos, chute de Raúl e Janssen tocou com a mão na bola. Pênalti que Huntelaar cobrou muito bem, sem chances de defesa para o goleiro Nikolay Mihaylov.  O placar de 2 a 1 ainda era insuficiente.

O gol que o time azul precisava veio em uma jogada brilhante de Raúl. O atacante recebeu dentro da área e, de costas e muito marcado, deu um passe de calcanhar para Jermaine Jones girar e bater. A bola desviou e entrou: Schalke 3 a 1. Era o gol da classificação.

Só que o Schalke ainda marcaria mais um. Em um contra-ataque após um erro em cobrança de falta no ataque do Twente, Jermaine Jones carregou a bola até a intermediária e tocou para Huntelaar invadir a área, driblar o marcador e chutar no alto, forte, sem chance de defesa. Goleada na Veltins Arena: 4 a 1 Schalke. Nono gol do artilheiro na Liga Europa, isolado na artilharia do torneio.

Atlético e Metalist vencem fora de casa e se classificam

Depois de vencer em casa por 3 a 1, o Atlético de Madrid foi até a Turquia para atuar com tranquilidade contra o Besiktas. O time venceu novamente, desta vez por 3 a 0, e não deu muitas chances para o time de Istambul reagir.

Aos 26 minutos, o atacante Adrián López marcou 1 a 0 para o Atlético. Com isso, a missão do Besiktas, que já era difícil, ficou quase impossível. Seriam precisos ao menos três gols para levar a partida para a prorrogação. Só que aos 38, Radamel Falcao García marcou o segundo do Atlético. Nos acréscimos, Eduardo Salvio ainda marcou outro: 3 a 0

Já o Olympiacos, que venceu o Metalist Kharkiv fora de casa, acabou derrotado e sendo eliminado da disputa. O time grego venceu por 1 a 0 na Ucrânia, mas a derrota por 2 a 1 classificou os ucranianos pelos gols fora de casa.

O time grego até abriu o placar com Iván Marcano aos 15 minutos do primeiro tempo. Parecia ser um indicador que o time levaria a classificação. Só que aos 36 minutos do segundo tempo, começou a reação. Primeiro, Cristian Villagra empatou o jogo. Aos 41 minutos, que tinha perdido um pênalti, marcou o gol da vitória e da classificação: 2 a 1 Metalist, que marcou um gol a mais fora de casa que o adversário para avançar às quartas de final.

Confira os resultados dos jogos de volta das oitavas de final da Liga Europa:
Quinta-feira, 15/mar

Athletic Bilbao 2×1 Manchester United
Hannover 96 4×0 Standard Liège
PSV 1×1 Valencia
Udinese 2×1 AZ
Manchester City 3×2 Sporting
Olympiacos 1×2 Metalist
Schalke 04 4×1 Twente
Besiktas 0x3 Atlético de Madrid

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo