Liga EuropaSem categoria

Athletic se agiganta e derruba United em Old Trafford

Apoiado por oito mil torcedores, o Athletic Bilbao foi capaz de um feito histórico em Old Trafford. Os leones se impuseram contra o Manchester United e, mesmo saindo em desvantagem no marcador, demonstraram qualidade suficiente para obter triunfo por 3 a 2, em jogo válido pelas oitavas de final da Liga Europa. Agora, Alex Ferguson e seus comandados terão que se virar diante de 40 mil pessoas no estádio San Mamés se quiserem a classificação na próxima quinta-feira.

Os bascos não se intimidaram com o mando inglês e começaram a partida demonstrando bastante empenho em campo. Aos quatro minutos, Fernando Llorente deu o primeiro susto, em chute da entrada da área que passou ao lado do gol defendido por David De Gea. Dois minutos depois, Iker Muniaín tentaria marcar por cobertura, mas a bola acabou indo por cima do travessão.

O confronto seguiu bastante disputado, com os dois times procurando o ataque. Os Red Devils, porém, tinham dificuldades em vencer a defesa adversária. Somente depois de boa trama entre Ryan Giggs e Javier Hernández é que o United abriu o placar. Chicharito invadiu a área e, depois de cortar a marcação, exigiu defesa milagrosa de Gorka Iraizoz. No rebote, Wayne Rooney não desperdiçou.

O Athletic não diminuiu seu ritmo e permanecia confiando no empate. Aos 29 minutos, Óscar De Marcos cruzou pela direita e Llorente cabeceou por cima do gol. Quatro minutos depois, Markel Susaeta foi lançado em velocidade. Sem ninguém para impedir seu caminho, tentou encobrir De Gea e acabou errando a direção do gol. A pressão seguia forte e, aos 35, De Gea espalmou para fora chute de Iraola.

Após tanto insistir, a equipe basca chegou ao empate no último minuto do primeiro tempo. Iker Muniain começou a troca de passes nas imediações da área inglesa e a bola passou pelos pés de Llorente, Iraola e Susaeta. O camisa 14 chegou até a linha de fundo e mandou a bola na cabeça de Llorente, que completou para o gol.

O Athletic continuou melhor após o intervalo e quase viu a virada se concretizar aos quatro minutos. Muniain arriscou da meia-lua e De Gea precisou se esticar para tocar a bola com a ponta dos dedos, desviando para escanteio. Logo em seguida, foi a vez de Muniain passar para Llorente chutar pelo lado de fora da rede. E De Gea salvaria mais uma vez, em arremate de Llorente.

O United só atacaria aos dez minutos, em cobrança de falta de Rooney que foi para fora. Contudo, o bombardeio do Athletic permanecia do outro lado do campo. Aos 23 minutos, Ander Herrera deixou Muniain de frente para o gol e De Gea fez outra boa intervenção. Mas os bascos seriam premiados com a virada cinco minutos depois. Complementando grande jogada coletiva, Herrera deu novo passe açucarado, desta vez para De Marcos. O meia recebeu livre e chutou no canto inferior, sem reação para De Gea.

Atrás no marcador, o United ainda tentou diminuir o prejuízo nos minutos finais, dando trabalho principalmente com Chicharito. Aos 35 minutos, Rooney mandou bola venenosa de média distância e Iraizoz conseguiu encaixar. Do outro lado, De Gea trabalharia novamente, espalmando tentativa de Toquero.

No último minuto, ainda caberia o terceiro dos leones. De Marcos finalizou cruzado e, no rebote de De Gea, Muniain deixou sua marca. E, para não deixar a derrota tão pesada, Wayne Rooney converteu pênalti nos acréscimos, reduzindo o fardo para a volta em San Mamés.

Confira os jogos de ida das oitavas de final da Liga Europa:

Quinta, 8/mar
Sporting 1×0 Manchester City
Twente 1×0 Schalke 04
Atlético de Madrid 3×1 Besiktas
Metalist Kharkiv 0x1 Olympiacos
Manchester United 2×3 Athletic Bilbao
Standard Liège 2×2 Hannover 96
Valencia 4×2 PSV
AZ 2×0 Udinese

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo