Assalto à padaria

Dois caras entram na padaria. Um distrai a caixa, enquanto o outro pega o dinheiro e enfia no bolso. Pergunto: o cara que distrai a caixa não participa do assalto? É claro que sim, mesmo que não ponha a mão no dnheiro.

É a mesma coisa com a jogada do gol anulado do Botafogo. Não se trata de “impedimento passivo”, o que quer que isso signifique. Wellington Paulista distrai Rogerio Ceni, participando ativamente da jogada, ainda que não encoste na bola. E estava impedido.

Não bastasse o ridículo do Botafogo, logo quem, reclamando de possíveis erros de arbitragem… Se há um problema aí, e acho que há, é o fato de que cada juiz interpreta isso de uma maneira. Querer ver aí um “complô” pró-São Paulo, porém, é infantil.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo