A grande interrogação

Adriano foi apresentando nesta quinta-feira no Corinthians. Foi bombardeado pela imprensa e demonstrou segurança nas respostas. Garantiu estar focado na carreira, disse que propôs as cláusulas de segurança em seu contrato, afirmou que não terá privilégios, prometeu não sair mais do Brasil e admitiu culpa e erros. Tropeçou no final da coletiva, já incomodado com as perguntas, ao falar sobre as gravações telefônicas autorizadas pela Justiça e obtidas pelo jornal O Dia, onde ele debocha da polícia e ironiza o fato de dirigir sem habilitação.

Foram respostas sinceras, mas o problema é outro. Por mais que o próprio Adriano reclame, suas respostas não têm mais credibilidade. Por isso é correto duvidar de tudo isso, porque seu passado recente não lhe dá créditos. Isso, porém, não significa que ele não mereça, no mínimo, um voto de confiança. E é isso que eu acho que ele terá da maior parte da torcida corintiana.

A questão, agora, será se ele dará certo ou não no Corinthians, e isso passará por seu comportamento no clube. Sinceramente, acho que nos primeiros meses Adriano trará bons resultados ao time. É muito acima da média do futebol nacional, e isso faz diferença. Fez no Flamengo em 2009, todos se lembram. Só que com o passar do tempo… Adriano perde a motivação, deixa-se levar pela festa em torno de si. Cai na farra de novo. O ano seguinte no rubro-negro é a prova disso.

A ida para a Roma estava fadada ao fracasso. Todos duvidavam da capacidade do jogador em brilhar novamente na Itália. Ele, na época, levou isso até como um fator a mais para se motivar. Se comprometeu com o clube italiano, fez juras de dedicação e o final da história…

Tomara, mas tomara mesmo, que Adriano prove estar realmente curado, como disse na coletiva de imprensa. Não só de seus problemas com álcool, mas os problemas de comportamento. Ele não é mais uma criança. Precisa parar de achar que todos abrirão as portas para ele sempre. Se fosse um cidadão comum, com emprego normal, provavelmente já não teria tantas oportunidades. Mas ele é talentoso, e por isso ainda há muita gente que acredita nele. E todos, alguma hora na vida, precisam tomar jeito.

Hoje, Adriano é um enorme (enorme mesmo…) ponto de interrogação. Aposta do Corinthians. Leva mais a crer que falhará do que triunfará. Mas precisa ser testado, e a vida lhe cobrará.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo