Portugal

Scolari renova contrato e segue no comando de Portugal

Luiz Felipe Scolari finalmente definiu seu futuro. Nesta sexta, o treinador acertou a permanência no comando da seleção portuguesa por mais dois anos, até o final da próxima Eurocopa. Conforme havia prometido, Scolari definiu sua situação poucos dias depois do final da Copa.

O técnico comandou os Tugas no Mundial e levou a equipe ao quarto lugar da competição. Houve muita especulação sobre o destino de Scolari durante a Copa, mas o treinador preferiu se concentrar na disputa do torneio antes de discutir seu futuro com Gilberto Madail, presidente da federação portuguesa.

No meio do Mundial, o dirigente afirmou que tinha um pré-contrato por mais duas temporadas com Scolari. Porém, a assinatura do vínculo dependeria do desempenho da equipe na Copa. antes do início do torneio, O treinador entrou em contato com membros da federação inglesa, tendo sido muito cotado para assumir o comando da seleção no lugar de Sven Goran Eriksson.

Porém, Scolari desistiu de continuar as negociações por conta do grande assédio feito pela mídia inglesa. Logo depois da Copa, com o desempenho ruim do Brasil, ele foi cotado como um dos principais candidatos a substituir Carlos Alberto Parreira no comando da Seleção. Scolari conduziu o time ao pentacampeonato mundial em 2002.

O técnico optou em continuar em Portugal, cujo comando assumiu em dezembro de 2002. Ele conduziu a equipe ao vice-campeonato da última Eurocopa, sediada pelo próprio país. O próximo desafio será classificar os Tugas para a próxima Euro, que será disputada na Áustria e na Suíça, em 2008.

*Foto: Frank Kohl/Trivela

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo