Portugal

Porto confirma Gabriel Veron, mais um talento sul-americano que tentará moldar

O jovem atacante de 19 anos do Palmeiras assinou contrato até 2027 com o Porto, após ser contratado por € 10 milhões

Não é difícil encontrar jogadores sul-americanos que chegaram ao Porto e foram vendidos por somas vultuosas de dinheiro alguns anos depois. Luis Díaz e Éder Militão são alguns exemplos recentes. É a especialidade do campeão português, que agora terá mais um talento bruto para moldar, após confirmar a contratação do atacante Gabriel Veron, do Palmeiras, por € 10 milhões. Ele assinou contrato até 2027.

O valor foi considerado baixo pelo craque da Copa do Mundo sub-17 de 2019. O Palmeiras ficará com cerca de 80% do valor, após fechar um acordo com o Santa Cruz, de Natal, que detinha 40%. Mais importante foi ter mantido 10% dos direitos de uma futura venda porque, repetindo, o Porto tem um histórico competente de multiplicar o que paga por jogadores jovens após desenvolvê-los.

Ele usará a camisa 7 do Porto. “É um jovem de 19 anos e tenho muita esperança nele. Estou plenamente confiante de que acertamos nesta contratação”, disse o presidente dos Dragões, Jorge Nuno Pinto da Costa. “Vem integrar uma equipe campeã e vai ser mais um a lutar por novos títulos, por isso desejo-lhe as maiores felicidades e dou-lhe as boas vindas. Qualquer jogador que apresentamos é sempre na expectativa de que poderá acrescentar alguma coisa ao nosso elenco”.

Veron havia sido titular do Palmeiras nos dois jogos anteriores à venda. No geral, desde que estreou no fim de 2019, entrou e saiu do time, com 95 jogos e 14 gols em cerca de dois anos e meio. Natural para um garoto que ainda tem 19 anos. Conseguiu ser um coadjuvante importante nas conquistas de duas Libertadores e tinha um potencial que deixava os torcedores empolgados pelo que poderia se transformar. É visível que sabe tratar bem a bola.

Lesões, como as que o impediram de disputar o Mundial de Clubes de 2021, não ajudaram a ter uma sequência maior. Foram muitos problemas musculares. A venda foi sancionada depois de ele ser multado por um vídeo bebendo na noite de São Paulo e de ter levado uma chamada em público do técnico Abel Ferreira, uma declaração polêmica na qual questionou a formação do jovem brasileiro, mas disse que continuaria tentando ajudar Veron, se ele quisesse.

Essa relação foi cortada, e agora quem terá responsabilidade pelo futebol de Veron é Sergio Conceição, ótimo técnico do Porto desde 2017, duas vezes campeão português e da Taça de Portugal na mesma temporada. A versatilidade do brasileiro será um extra. Pode atuar em todas as posições do ataque. Conceição gosta do 4-4-2 com dois volantes ou com um losango no meio-campo. Pelos lados, terá que brigar por posição com Pepê e Otávio. No ataque, com Evanilson e Taremi.

Ele chega após a saída de Fábio Vieira para o Arsenal. Embora com outras características, o jovem meia-atacante português também atuou em múltiplas posições na última temporada. Será uma boa injeção de talento ao Porto, e uma das melhores plataformas para Veron desenvolver todo o potencial que apresentou, tanto nas categorias de base, quanto em momentos importantes pelo Palmeiras.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo