Mundial de Clubes

10 mitos e verdades sobre o Mundial de Clubes de 2000

Edmundo partiu em direção à marca do pênalti, preparou o chute e mandou a bola quase nas arquibancadas do Maracanã. Era o chute decisivo do primeiro Mundial de Clubes organizado pela Fifa. Em 14 de janeiro de 2000, há exatos 20 anos, o Corinthians venceu o Vasco, na decisão que lotou o Maracanã com 73 mil pessoas, e se sagrou campeão mundial.

Um torneio controverso, não sem seus motivos, mas que não pode ser desconsiderado como um título mundial e importante para o futebol brasileiro. Para deixar bem claro o que aconteceu antes, durante e depois daqueles dez dias de competição, explicamos alguns mitos e verdades sobre o Mundial de 2000.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA: 10 mitos e verdades sobre o Mundial de Clubes de 2000

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo