Premier League

Richarlison brilha de novo, Tottenham vira em 10 minutos sobre o Brentford e entra no G4 da Premier League

Tottenham não teve vida fácil, mas venceu o Brentford por 3x2, pela 22ª rodada da liga inglesa

O Tottenham sofreu bastante, buscou o resultado e venceu o Brentford para entrar no G4 da Premier League. Nesta quarta-feira (31), os Spurs saíram atrás no placar no primeiro tempo, mas fizeram três gols em 10 minutos na segunda etapa e garantiram a virada nesta 22ª rodada da liga inglesa. Richarlison, Brennan Johnson e Destiny Udogie balançaram as redes, enquanto Ivan Toney e Maupay marcaram para os visitantes.

Com o resultado, o Tottenham subiu para a quarta colocação da tabela, com 43 pontos, apenas três a menos do que Manchester City e Arsenal, segundo e terceiro lugares. O time de Ange Postecoglou tem a mesma soma do Aston Villa, mas fica à frente pelo saldo de gols levemente superior.

Já o Brentford caiu uma posição com a derrota, ficando com os mesmos 22 pontos do início da rodada. A pontuação deixa a equipe numa situação desconfortável, com apenas quatro pontos a mais do que o primeiro colocado na zona de rebaixamento, o Everton.

Na 23ª rodada, o Tottenham terá a oportunidade de ascender ainda mais na tabela da liga inglesa. O Everton será o próximo adversário da equipe de Postecoglou, no próximo sábado (3), às 9h30 (horário de Brasília), no Goodison Park. O Brentford terá mais uma pedreira pela frente, o Manchester City, na segunda-feira (5), às 17h, em casa.

Tottenham joga mal no primeiro tempo, mas se recupera

O Tottenham teve um primeiro tempo lamentável. Jogando com casa cheia a seu favor, a equipe entrou desligada, sem conseguir impor seu ritmo e levou um baile no contra-ataque.

Aos 12 minutos, o Brentford teve um gol anulado por impedimento, mas a jogada pela direita foi o ponto fraco da defesa londrina. Três minutos depois, em outra subida veloz, o time visitante abriu o placar.

Ivan Tooney puxou o contra-ataque pela direita, carregou a bola até a entrada da área e bateu forte para tentar deslocar o goleiro Mark Flekken, que fez uma bela defesa à queima roupa. No rebote, Neal Maupay mandou uma paulada no cantinho para furar o arqueiro.

O Tottenham tentou responder na individualidade, como foi numa finalização forte de Richarlison de fora da área aos 25 minutos, mas sem sucesso. No fim das contas, foi o Brentford que dominou as ações ofensivas no 1º tempo.

Spurs viram o placar em 10 minutos

O Tottenham só precisou de 10 minutos para virar o placar e garantir a vitória. Aos 3 minutos da segunda etapa, Udogie aproveitou um rebote de dentro da área para deixar tudo igual. No lance seguinte, Brennan Johnson aproveitou um passe açucarado de Timo Werner para virar. Dois gols em dois minutos.

Sete minutos mais tarde foi a vez de Richarlison balançar as redes e confirmar o 3 a 1. James Maddison dominou bola na pequena área, chutou meio sem ângulo e foi bloqueado pela defesa. O “Pombo” aproveitou a sobra para ampliar.

Ainda deu tempo dos Abelhas fazerem o segundo gol. Numa falha bizarra da defesa dos Spurs, Tooney finalizou com classe no canto esquerdo de Vicario.

Richarlison: melhor em campo

Richarlison teve uma importante participação na recuperação do Tottenham na segunda etapa. Foi graças à boa atuação individual do atacante brasileiro que o treinador australiano conseguiu corrigir o sistema ofensivo.

Foto de Livia Camillo

Livia Camillo

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário FIAM-FAAM, escreve sobre futebol há cinco anos e também fala sobre games e cultura pop por aí. Antes, passou por Terra, UOL, Riot Games Brasil e por agências de assessoria de imprensa e criação de conteúdo online.
Botão Voltar ao topo