Premier League

Torcedor se acorrenta à trave no Goodison Park em protesto contra exploração de petróleo e paralisa Everton x Newcastle

Jogo ficou parado por sete minutos por protesto contra exploração de petróleo no Mar do Norte, em crítica ao governo britânico

Uma cena para lá de inusitada aconteceu nesta quinta-feira no Estádio Goodison Park durante o jogo entre Everton e Newcastle, pela Premier League. Louis McKechnie, manifestante de 21 anos, se acorrentou a uma das traves, com uma camiseta de protesto contra a exploração de Petróleo no Mar do Norte. A sua camiseta dizia “Just Stop Oil” (“Apenas pare com o petróleo”, em tradução livre).

O jogo só tinha cinco minutos quando o incidente aconteceu e ficou cerca de sete minutos parado até que a situação fosse resolvida: o cadeado quebrado e o jovem levado do estádio. Inicialmente se imaginou que poderia ser um protesto direcionado ao Newcastle, mas fica claro que as causas não tinham diretamente a ver com o rival do Everton na partida, ainda que a Arábia Saudita seja ligada à exploração de petróleo. O protesto era contra o próprio governo britânico e a exploração de petróleo a norte do país, no Mar do Norte.

Foi preciso uma série de policiais e stewards para conseguir tirá-lo. Aparentemente, o cadeado que ele se prendeu pelo pescoço foi o modelo usado para bicicletas. O jovem, estudante de engenharia mecânica, queria chamar a atenção para a exploração de petróleo que acontece no norte do Reino Unido. A campanha “Just Stop Oil” cobra que o governo britânico cancele qualquer plano para novos poços de petróleo na região.

No link colocado na sua camiseta, há frases sobre o protesto. “Estamos em 2022 e é hora de olhar para cima, hora de intensificar e não ficar parado. É hora de agir como se fosse uma emergência”, diz texto do jovem identificado como Louis. “Relatório após relatório dizem que meu futuro será terrível, e meu governo está me dizendo para não me preocupar e pagar uma pensão”.

“Minha geração está sendo prejudicada – enfrentamos uma crise de custo de vida, uma crise habitacional, uma crise de combustível e um planeta inabitável – mas temos uma escolha. Podemos optar por destacar que nosso clima está desmoronando, podemos optar por resistir a esse governo que está nos traindo, podemos optar por intensificar e não ficar parados”.

“Mas nós temos uma escolha. Podemos optar por destacar que nosso clima está desmoronando, podemos optar por resistir a esse governo que está nos traindo, podemos optar por intensificar e não ficar parados”, diz ainda o texto.

O jogo foi reiniciado e o Everton acabou por vencer o jogo por 1 a 0, com um gol já aos 53 minutos de jogo, marcado por Alex Iwobi. O Everton luta contra o rebaixamento na Premier League e é o primeiro time fora da zona do rebaixamento.

Um protesto similar foi feito no dia anterior, no jogo entre Liverpool e Arsenal:

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo