Premier League

Pogba elogia Solskjaer no início no United: “Eu estava nas sombras”

Um dos principais jogadores do Manchester United, Paul Pogba, melhorou muito o seu desempenho desde a chegada do técnico interino Ole Gunnar Solskjaer, que substituiu o demitido José Mourinho. Não por acaso, ele atribuiu ao treinador a melhora. Nos últimos jogos de Mourinho, Pogba estava no banco. Com o novo treinador, desempenho muito melhor, sendo titular e destaque.

LEIA TAMBÉM: Com atuação monumental, De Gea ajuda Solskjaer a passar em seu primeiro grande teste no United

“Antes do técnico chegar eu estava nas sombras, no banco e eu aceitei isso”, disse o meio-campista. É um prazer jogar novamente. Agora eu sempre sorrindo”, afirmou o meio-campista, contratação mais cara da história do clube. Solskjaer foi técnico da base do United e foi treinado pelo norueguês na época. “É um prazer estar reunido com ele. Eu o conhecida das categorias de base e do time de reservas, quando seu apelido era ‘Supersub’ [super substituto]. Ele estava fazendo um trabalho muito bom. Como jogador, ele sabia a mentalidade deste clube. Ele voltou para nos ajudar e está indo muito bem”, contou Pogba.

Foi a maior vitória do United desde a chegada de Solskjaer. O desempenho de David De Gea foi excelente, assim como foram boas atuações de Ander Herrera, Paul Pogba e a precisão de Marcus Rashford, autor do gol da vitória. “Ao longo dos treinos em Dubai, ele tem praticado sua finalização com o técnico”, afirmou Jesse Lingard. “Isso o preparou para grandes jogos e momentos como esse”.

De Gea tem contrato com o United até 2020 e sempre é especulado para deixar o clube, mas Lingard pede que o jogador fique. “Nós queremos que ele fique. Ter um goleiro como esse dá uma confiança extra. Eles pareciam que iam marcar, mas ele nos salvou. Algumas das suas defesas, você olhava e pensava: ‘Oh meu Deus’. Ele é um dos melhores goleiros do mundo, se não o melhor”, disse Lingard.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo