Premier League

O Leicester voltou a vencer com dois gols cheios de categoria, para arrancar aplausos

Uma das virtudes fundamentais ao encantamento provocado pelo Leicester na conquista da Premier League 2015/16, além de todo o seu conto de fadas, eram os golaços. Tudo bem, a equipe de Claudio Ranieri marcava muitos tentos a partir das bolas paradas e dos contra-ataques. No entanto, também era possível encontrar beleza nesses lances “mais pragmáticos”. Os chutaços e as jogadas plásticas construídas em poucos toques, com extrema velocidade, ajudavam a encher os olhos. Exatamente o que se viu nesta segunda, durante o triunfo das Raposas no Estádio King Power. Com grande atuação de Riyad Mahrez e Islam Slimani, os anfitriões derrotaram o Huddersfield Town por 3 a 0 e se reencontraram com as vitórias na liga.

Depois de um primeiro tempo de raras finalizações, o Leicester voltou do intervalo com tudo para decidir a partida. E anotou seus tentos mais bonitos logo de cara. O primeiro nasceu a partir de um lateral longo, mas a maestria ficou por conta de Mahrez. Albrighton cruzou e o argelino pegou bonito, de primeira, para tirar do alcance do goleiro Jonas Lössl. Com o placar aberto aos oito, as Raposas ampliaram aos 15. Desta vez Mahrez foi o garçom e, em contragolpe, passou na medida para Slimani. Substituindo Jamie Vardy, o centroavante fez o papel do inglês e arrancou. Mas a categoria foi além, com um bonito toque por cobertura para balançar as redes. Por fim, nos acréscimos do segundo tempo, Albrighton fechou a conta em cruzamento que se iniciou com insistência e uns dribles meio desengonçados de Slimani – em vias de ser negociado com o Besiktas nesta janela de transferências.

Depois de se recuperar com Claude Puel, mas perder embalo em dezembro, o Leicester se reencontra com as vitórias depois de quatro rodadas em jejum. As Raposas chegam aos 30 pontos, na oitava colocação, ainda distantes da briga pelas competições europeias. Já o Huddersfield Town, em 11°, faz uma campanha relativamente segura em seu retorno à Premier League e, com 24 pontos, aparece cinco acima da zona de rebaixamento.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo