Premier League

O Forest constrói seu elenco para a Premier League com um ótimo goleiro e traz Dean Henderson por empréstimo do United

Brice Samba deve ser vendido pelo Forest e abre espaço para que Henderson seja o titular do clube na volta à Premier League

Uma das chaves para o Nottingham Forest viver o seu auge esteve na contratação de um grande goleiro. Peter Shilton se tornou um fator decisivo para impulsionar o clube, de recém-promovido a bicampeão continental. É praticamente impossível que os Reds repitam aquela façanha, mas de novo pensam a construção de seu novo elenco na elite através da chegada de um goleiro de primeiro nível. Neste sábado, o Forest anunciou a assinatura de Dean Henderson, sem tanto espaço no Manchester United. O jovem de 25 anos vem por empréstimo de uma temporada ao City Ground, em movimento que pode ser importante às suas próprias expectativas de disputar uma Copa do Mundo.

Não é que faltasse um goleiro ao Nottingham Forest, cabe dizer. Brice Samba é o titular do clube há três temporadas e foi um dos heróis do acesso à Premier League após 23 anos de ausência, especialmente nos playoffs. O franco-congolês tinha sua única experiência na elite restrita a uma temporada como titular da Ligue 1 pelo Caen, mas deveria se manter no posto. Todavia, ele não chegou a um acordo para renovar seu contrato e, no último ano de vínculo, a tendência é que saia de volta ao futebol francês – o Lens é o destino provável. Os Reds acabam buscando alguém mais experimentado no primeiro nível e que pode representar um ganho de nível dentro da liga. Henderson estava dando sopa no mercado.

Por algum tempo, dava para acreditar que Dean Henderson se tornaria o novo titular do Manchester United. Cria das categorias de base, o jovem vinha de duas temporadas excelentes emprestado ao Sheffield United, enquanto David de Gea não transmitia a mesma confiança de outros períodos. Porém, mesmo que o inglês tenha terminado a Premier League 2020/21 como titular, o espanhol voltou ao seu melhor em 2021/22. Henderson disputou míseras três partidas em toda a temporada, restrito aos compromissos pelas copas. Estava claro como não conseguiria ocupar o posto de De Gea, pelo menos no curto prazo. Um empréstimo virou boa solução.

Entre os times querendo um novo goleiro na Premier League, o Nottingham Forest se torna uma opção razoável a Henderson. A perspectiva na tabela será totalmente distinta, numa equipe que brigará contra o rebaixamento. Todavia, não há muitas dúvidas que a tendência é que o novo contratado ganhe mais minutos e recupere sua sequência. A própria concorrência interna pode ser benéfica, caso Samba não seja vendido nesta janela. Fato é que as alternativas são boas para proteger a meta dos alvirrubros em busca da manutenção na elite.

Em sua chegada, Henderson festejou o acordo: “Estou absolutamente maravilhado por me juntar a um clube tão fantástico, com um grupo incrível de torcedores e uma linda história. Quero agradecer ao técnico e aos donos do Nottingham Forest pela grande oportunidade de atuar por este clube na primeira temporada de volta à Premier League. Estou muito empolgado para trabalhar com todos no clube. Finalmente, queria agradecer aos torcedores pelas boas-vindas que recebi. Mal posso esperar para comemorar alguns momentos brilhantes nesta próxima temporada”.

Um objetivo claro para Henderson é a disputa da Copa do Mundo. O jovem aparece nas convocações da Inglaterra desde 2019 e chegou a ser cotado como titular durante um período, diante da falta de segurança com Jordan Pickford. Entretanto, a falta de jogos no United o afastou das listas. Sua última convocação aconteceu para a Euro 2020, quando precisou ser cortado do elenco por uma lesão sofrida no início da competição.

Neste momento, Aaron Ramsdale aparece ao lado de Pickford como principais goleiros da Inglaterra. Henderson, ainda assim, tem condições de ser chamado como terceiro nome. Sua disputa principal é com Nick Pope, que vem sendo convocado com mais frequência nos últimos meses, inclusive na última Data Fifa. E a tendência é que o concorrente fique mais em evidência nesta temporada, após trocar o Burnley pelo Newcastle. Outros no páreo, Sam Johnstone (do West Brom para o Crystal Palace) e Fraser Forster (do Southampton para o Tottenham) também mudaram de clube nesta janela.

O Nottingham Forest concluiu duas contratações até o momento para a reaparição na Premier League. Anteriormente, os Reds buscaram Taiwo Awoniyi no Union Berlim e garantiram uma nova referência no centro de seu ataque. Outro negócio importante das últimas horas veio com a renovação de Brennan Johnson, meia de 21 anos que se destacou bastante na campanha do acesso. Enquanto isso, uma saída confirmada foi a de Ethan Horvath, goleiro reserva que vai por empréstimo ao Luton. É mais um que precisa de espaço antes da Copa do Mundo, como reserva da seleção dos Estados Unidos.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo