Premier League

Andrey vai voltar ao Chelsea após desprezo no Nottingham Forest. Seu futuro? Ninguém sabe

Insatisfeito com a pouca (quase nula) utilização de Andrey Santos no Forest, Chelsea solicita encerramento do empréstimo do volante brasileiro

O Chelsea não está nada satisfeito com a situação de Andrey Santos, emprestado ao Nottingham Forest. Escanteado no plantel do técnico Steve Cooper, o volante brasileiro disputou apenas dois jogos pela equipe em 2023/24 e parece não fazer parte dos planos futuros do time. Dito isso, os Blues se movimentam nos bastidores a fim de resolver essa problemática. E de acordo com o The Athletic, o encerramento do empréstimo do ex-Vasco é a solução encontrada pelo gigante londrino.

Chelsea e Forest conversam e acertam os últimos detalhes para sacramentarem o fim do vínculo de Andrey Santos em janeiro de 2024. Revelado pelo Vasco, o volante de 19 anos foi contratado pelos Blues no início do ano. Apesar das boas atuações na pré-temporada da equipe em julho, o brazuca não disputou jogos pelo time profissional do clube londrino e acabou ficando de fora dos planos do técnico Mauricio Pochettino, que concordou com o empréstimo do mesmo.

A curta e nula passagem de Andrey Santos pelo Forest

O empréstimo de Andrey Santos para o Nottingham Forest foi visto com bons olhos por todas as partes. Afinal, o Chelsea ansiava pelo desenvolvimento de sua joia, o time de Steve Cooper ganhava uma opção jovem e promissora no meio-campo e o volante brasileiro sonhava com a chance de mostrar seu potencial em um clube de menor expressão, com menos cobrança por resultados rápidos. Nada disso aconteceu e o mais prejudicado nessa história foi o jogador.

A passagem de Andrey Santos pelo Forest pode ser resumida com dois momentos, já que o volante entrou em campo apenas duas vezes na atual temporada. Foi titular na derrota para o Burnley na Copa da Liga Inglesa, no dia 30 de agosto, e atuou nos minutos finais do 3 a 0 sofrido diante Liverpool, em Anfield, no dia 29 de outubro, pela Premier League. Em ambos os casos, o cria do Vasco não teve atuação de destaque, mas também não comprometeu.

No início de outubro, a pouca utilização de Andrey Santos no Nottingham Forest começou a irritar o Chelsea, e o tema passou a repercutir na imprensa britânica. Questionado em entrevista coletiva, Steve Cooper chegou a fazer elogios ao volante brasileiro e revelou uma conversa que teve com os Blues sobre a situação do jovem jogador.

– Ele (Andrey Santos) tem estado bem. Ele é obviamente um jovem jogador muito bom. Tive uma conversa muito boa com Chelsea (sobre ele) esta semana. Não sabia que algumas coisas haviam sido escritas sobre ele. Há muitos jogadores novos aqui e estamos realmente tentando encontrar o equilíbrio certo na integração de todos os jogadores no momento certo, enquanto tentamos ter o melhor desempenho possível em cada jogo para obter os resultados que desejamos -, pontuou Steve Cooper.

Na época, Cooper disse que pretendia usar Andrey Santos contra o Brentford, no dia 1 de outubro, mas que seus planos mudaram após a expulsão de Moussa Niakhate. Com um homem a menos, o técnico galês optou por manter o brasileiro no banco de reservas.

– Contra o Brentford ele poderia ter sido um jogo muito bom para ele sair do banco. Mas ficamos com 10 homens e ele (Andrey Santos) não estava se sentindo muito bem afastado. Isso foi contra ele, porque ele estava definitivamente em nosso pensamento, para variar. Não foi assim que aconteceu, por causa de como ele estava se sentindo e do cartão vermelho – então também houve um pouco de azar. Mas estamos gostando muito de trabalhar com ele e vê-lo treinar. Continuaremos com esse processo -, completou.

Foto: Icon Sport

Futebol francês pode ser o próximo destino de Andrey Santos

Com a iminente saída de Andrey Santos do Nottingham Forest, a pergunta que fica para o volante brasileiro e o Chelsea é: qual será o próximo destino do jogador? Ainda não há resposta certa para esta indagação, mas o futebol francês aparece como uma forte possibilidade. Segundo informações da imprensa britânica, o Strasbourg, time que pertence ao mesmo grupo dono dos Blues, está interessado nos serviços do cria do Vasco.

Vale destacar, no entanto, que o Chelsea precisará encerrar um dos atuais sete empréstimos internacionais se quiser enviar Andrey Santos ao Strasbourg. Gabriel Slonina (Eupen), David Fofana (Union Berlin), Angelo Gabriel (Strasbourg), Diego Moreira (Lyon), Hakim Ziyech (Galatasaray), Kepa Arrizabalaga (Real Madrid) e Romelu Lukaku (Roma) são os jogadores cedidos pelos Blues na atual temporada.

Caso o Chelsea não encerre um destes empréstimos e decida dispensar Andrey novamente, somente clubes do futebol inglês poderiam receber o volante.

Permanência no Chelsea é algo pouco provável para o volante brasileiro

Em último caso, se não conseguir um novo clube para Andrey Santos, o Chelsea terá de manter o volante brasileiro no elenco. Esta opção, entretanto, é a menos provável, visto que Pochettino conta com um bom número de jogadores já experimentados para a faixa central de campo. Moises Caicedo, Enzo Fernández, Conor Gallagher, Lesley Ugochukwu e Romeo Lavia são os meio-campistas do atual elenco dos Blues.

Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo