Premier League

Mata: “Dominar como fez o United nos últimos 20 anos é muito difícil agora”

O Manchester United conquistou o título inglês 13 vezes em 20 anos sob o comando de Alex Ferguson. Antes disso, o Liverpool foi campeão nacional 11 vezes em 18 temporadas. Domínios que, na opinião de Juan Mata, serão difíceis de acontecer novamente. Os últimos a conseguirem defender o título com sucesso foram os Red Devils, tricampeões em sequência em 2009.

LEIA MAIS: Zlatan sendo Zlatan em seu retorno: “Humanos não se recuperam como os leões”

“Dominar como o United fez nos últimos 20 anos é muito difícil agora”, afirmou o jogador ao ESPNFC. “Há muitos clubes com grandes times, bons treinadores, situações financeiras boas, que permitem contratar bons jogadores. Então, o nível só cresce e há equilíbrio entre cinco ou seis times. Estamos vendo isso recentemente com o Leicester vencendo a liga, então o Chelsea e espero que o United em breve. É muito competitivo”.

Mata tem apenas 29 anos, mas já está pensando no futuro. Ainda não sabe exatamente o que fará quando se aposentar, principalmente porque planeja que isso demore bastante. Afirmou que gostaria de jogar até os 40 anos, como fez Ryan Giggs, e talvez até mesmo se aposentar no Manchester United.

“Por que não? Tenho 29 anos e espero poder jogar futebol por mais alguns anos. Seria incrível jogar até 40, como Giggs. Mas isso ainda está longe”, disse. “Estou feliz aqui. Este clube é muito grande, o apoio é gigante. Eu me adaptei a cidade desde o primeiro ano. Agora é o meu quarto em Manchester. Você nunca sabe o que vai acontecer no futebol e na vida. Mas meu sentimento, agora, é que estou feliz aqui e não teria nenhum problema em continuar por muito tempo”.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo