Premier League

Liverpool chega a acordo para contratar Thiago, do Bayern, por € 30 milhões

O Liverpool chegou a um acordo com o Bayern de Munique pela transferência de Thiago Alcântara. Segundo o Guardian, os ingleses pagarão € 30 milhões para os alemães para poderem contar com os serviços do espanhol. O meio-campista, que tem 29 anos, deve assinar um contrato de quatro anos. Ainda resta acertar os detalhes com o jogador e fazer os exames médicos para oficializar a transferência.

[foo_related_posts]

O contrato de Thiago com o Bayern só tem mais um ano de duração, até junho de 2021, e, portanto, se o clube não vender, ele já pode assinar com outro clube em janeiro e deixar a Baviera de graça em junho. Thiago já tinha deixado clara a sua vontade de deixar o clube, embora tenha ressaltado em entrevista recente, na seleção espanhola, que tinha contrato com o clube e não tinha dito que sairia. Não disse mesmo, externamente, mas internamente já se sabia.

Ainda segundo o Guardian, Thiago é um admirador do estilo de jogo do técnico do Liverpool, Jürgen Klopp. Sua chegada liberaria Georginio Wijnaldum para se transferir ao Barcelona, como é especulado. Ronald Koeman, que assumiu os catalães nesta temporada, é admirador do jogador, com quem trabalhou na seleção neerlandesa, e quer levá-lo ao Camp Nou. Os Reds estão relutantes em deixá-lo sair sem uma reposição. Com Thiago, esse buraco no elenco estaria preenchido.

Contratado foi revelado pelo Barcelona, pelo qual se tornou do time principal em 2011. Em 2013, sem tanto espaço nos catalães, foi vendido ao Bayern de Munique por € 25 milhões. Sua contratação foi a pedida do então técnico Pep Guardiola. Se estabeleceu em Munique, com 233 jogos pelos bávaros. Na última temporada, conquistou a tríplice coroa com o clube.

Nascido em San Pietro Vernotico, na Itália, região de Lecce. Seu pai, Mazinho, campeão mundial pelo Brasil na Copa do Mundo de 1994, atuava pelo Lecce na época. Ainda nos anos 1990, chegou a viver no Brasil e atuar nas categorias de base do Flamengo. Mudou-se para a Espanha, ainda criança, porque o pai atuava por lá. Chegou a voltar ao Brasil, aos 10 anos, mas aos 14 entrou nas categorias de base do Barcelona, onde seguiria carreira.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo