InglaterraPremier League

O Tottenham precisou aprender com um torcedor como se chuta a gol

A nova temporada começou, e o Tottenham continuava apresentando os seus defeitos de sempre. Falta de criatividade e o poder de fogo de um estilingue. Já haviam passado 63 minutos da partida contra o West Ham, em Upton Park, e quase nenhum jogador comandado por Mauricio Pochettino conseguira acertar um chute no gol de Adrián. Eriksen havia cobrado uma falta na direção do goleiro, sem nenhum perigo, bem de longe, e só. Eis que um torcedor perdeu a paciência e decidiu mostrar como que se faz.

LEIA MAIS: A surpresa do Swansea contra o United é um ótimo aperitivo

Townsend e Eriksen preparavam-se para cobrar uma falta na entrada da área quando um homem de camisa xadrez invadiu o gramado. Não se sabe por qual clube era apaixonado, mas nenhum dos dois estava muito ativo no ataque – e tentou fazer gol no West Ham, certo?

Ele saiu correndo e chutou com a perna esquerda, fraco, mas com muita precisão. A bola dirigia-se ao ângulo, mas Adrián deu um passo à esquerda e encaixou. No fim, o Tottenham conseguiu vencer por 1 a 0, com gol de Eric Dier, nos últimos minutos.

Invadir o gramado está errado e o torcedor provavelmente será preso. Mas pelo menos ensinou aos jogadores como se chuta a gol. É só treinar um pouco mais.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo