Inglaterra

Liverpool visita algoz do Manchester United

A briga pelo título inglês voltou a ficar acirrada, e agora o Manchester United (1º, 65) não poderá mais tropeçar, para poder defender o favoritismo que sustentou até a última rodada. Porém, sua derrota para o Fulham (9º, 40) foi inesperada, e a equipe de Alex Ferguson viu que vencer sempre não é tão fácil como estava parecendo. Um dia depois de perder por 2 a 0 fora de casa, o líder da Premier League viu o rival Liverpool (2º, 64) – que já o havia goleado por 4 a 1 na rodada anterior – manter o bom momento, e humilhar o Aston Villa (5º, 52) com um placar de 5 a 0 em casa, reduzindo para apenas um ponto a diferença entre os dois times.

O United ainda tem a vantagem de um jogo na mão, mas, mínimo, o final de semana da 30ª rodada fez a equipe de Manchester perceber que há um rival bem preparado, e com muita força de vontade para tirá-los do topo da tabela. O capitão dos Reds, Steven Gerrard, vem em uma fase surpreendentemente boa. Seis gols, nos últimos três jogos, e uma renovação de contrato com o clube de Anfield até 2013 só podem trazer ainda mais moral para o time de Rafa Banítez.

O Liverpool encara no sábado o algoz dos Red Devils, e uma vitória o levaria, ao menos até domingo, novamente para a liderança. Além do mais, vencer mais uma vez poderia trazer um incentivo extra para o clássico de quarta-feira contra o Chelsea (3º, 61), pelas quartas-de-final da Liga dos Campeões. Já o Fulham busca derrotar mais um dos “Big Four” ingleses, e alcançar três vitórias seguidas pela primeira vez desde sua incrível recuperação no final da última temporada. Uma possível baixa para os Reds é o defensor Sami Hyypia, que se machucou quando defendia a seleção finlandesa contra o País de Gales no sábado.

Outros confrontos

O líder Manchester United recebe em Old Trafford o quinto colocado Aston Villa – que foi massacrado pelo vice-líder na última rodada – sem três importantes jogadores, todos suspensos: Wayne Rooney, Paul Scholes e Nemanja Vidic. Além disso, Berbatov também não poderá entrar em campo, pois seguirá tratamento para seu tornozelo por mais duas semanas, o que deixa Ferguson na dependência de Carlos Tevez para marcar gols. O argentino enfrentou a Bolívia pelas Eliminatórias da Copa na quarta-feira, e viu seu país ser goleado com o humilhante placar de 6 a 1. O brasileiro Anderson também é um possível desfalque, enquanto o capitão Gary Neville parece estar recuperado da lesão no tornozelo, e deve jogar no domingo.

Dando continuidade à sua má fase, a equipe de Martin O’Neill, que não vence a oito partidas consecutivas e viu suas chances de classificar para a Liga dos Campeões se distanciarem completamente, não deverá contar com o importante atacante Emile Heskey, que se machucou no jogo pela seleção inglesa contra a Eslováquia semana passada.

O terceiro colocado Chelsea, que perdeu a vice-liderança para o Liverpool na rodada passada, ao ser derrotado por 1 a 0 pelo Tottenham, visita o Newcastle no sábado. Os Magpies viveram uma semana agitada: Alan Shearer assumiu como treinador até o final da temporada, quando Joe Kinnear confirmou que não teria condições de voltar a treinar a equipe até junho, pois passou por delicada cirurgia no coração em fevereiro.

Steven Taylor, Sebastien Bassong e Damien Duff devem estar de volta de suas lesões, mas Shola Ameobi não entrará em campo para o Newcastle. Já os Blues não contam Didier Drogba nem Jose Bosingwa. Para compensar, Nicolas Anelka se recuperou de lesão no pé e ajuda no ataque da equipe de Guus Hiddink.

“Chelsea está disputando a Premier League e também jogará as quartas-de-final da LC, é um bom momento para vencermos”, disse Shearer.

O quarto colocado Arsenal recebe o Manchester City (10º, 38) no Emirates Stadium com uma boa notícia: o capitão Cesc Fàbregas voltará à equipe, após mais de três meses afastado. Theo Walcott, Emmanuel Adebayor e Mikael Silvestre também se recuperaram de suas lesões. Porém, o artilheiro Robin van Persie machucou a virilha jogando pela Holanda nesta semana, e ficará de fora, assim como Eduardo, Abou Diaby e Samir Nasri não jogarão. A equipe de Mark Hughes não contará com Robinho, que será poupado pelo treinador por estar “visivelmente cansado” e rendendo menos, enquanto outro atacante, Craig Bellamy, é dúvida, já que ficou fora da partida do País de Gales na quarta-feira, por uma lesão no joelho.

Veja os jogos da 31ª rodada da Premier League:

Sábado, 4/abril
Blackburn x Tottenham
Arsenal x Manchester City
Bolton x Middlesbrough
Hull City x Portsmouth
Newcastle x Chelsea
West Bromwich x Stoke City
West Ham x Sunderland
Fulham x Liverpool

Domingo, 5/abril
Everton x Wigan
Manchester United x Aston Villa

Clique aqui e confira a classificação do Inglês.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo