InglaterraPremier League

Na MLS, Keane tem o destaque que nunca teve em clubes grandes

Quando um atacante de mais de 30 anos deixa o futebol europeu para atuar nos Estados Unidos, espera-se que esta seja uma de suas últimas mudanças na carreira profissional. Entretanto, certo irlandês vem sabendo aproveitar muito bem a oportunidade de vestir a camisa do Los Angeles Galaxy.

Atualmente com 33 anos, o atacante Robbie Keane vem se destacando desde a temporada 2012, quando balançou as redes adversárias 23 vezes em 37 jogos. Uma dessas vezes foi na vitória de 3 a 1 sobre o Houston Dynamo, na final. Jogou 34 vezes na Major League Soccer, todas como titular, com 3.060 minutos em campo.

Em 2011/12, Keane estava em tão boa forma que foi emprestado por dois meses ao Aston Villa, que nutria esperança nos gols do irlandês para fugir do rebaixamento. Em sete partidas, marcou três gols, dois deles na vitória de 3 a 2 sobre o Wolverhampton. Contribuiu para o time de Birmingham ficar na 16ª posição, com 38 pontos em 38 jogos, dois acima da zona da degola.

Na MLS 2013, a artilharia é do veterano Marco Di Vaio, com 18 gols, mas Keane já mandou 13 bolas para as redes em 17 partidas, média de 0,78 gols por jogo, a melhor entre atletas com mais de dez tentos anotados. Ele finalizou 24 vezes na direção do gol e deu dez assistências. O sucesso em um campeonato de menor expressão contradiz a decepção de Keane com camisas de grandes clubes europeus.

Má pontaria

Mesmo tendo nascido na Irlanda, Robbie Keane tinha 17 anos quando estreou profissionalmente na segunda divisão inglesa, pelo Wolverhampton. Duas temporadas mais tarde, o Coventry, então na elite nacional, gastou € 9 milhões para contratar o atleta, então recorde de transferência para um jogador de tão pouca idade. Bastou apenas um bom ano para a Inter de Milão torrar € 19,5 milhões no irlandês.

Marcelo Lippi era o treinador e disse à época que, dentro da política de contratações de atletas jovens, Keane era a melhor opção. Porém, o sonho de jogar em um grande clube acabou com a demissão de Lippi e a chegada de Marco Tardelli. Com o novo treinador, o atleta perdeu espaço, marcou apenas quatro vezes em 16 jogos na temporada 2000/01 e acabou emprestado ao Leeds United, ainda na primeira divisão inglesa.

As boas exibições voltaram e depois de três anos e diante da crise financeira do Leeds, Robbie Keane foi obrigado a deixar o clube, que o vendeu por € 10,5 milhões ao Tottenham. Em White Hart Lane, o irlandês viveu bons e maus momentos, às vezes atuando entre os reservas (2004/05), mas também marcando 15 vezes nos últimos 15 jogos da temporada 2006/07. Após seis temporadas e saldo positivo, o Liverpool conseguiu tirá-lo por incríveis € 24 milhões.

Nos dois anos com os Reds, Keane fez gols importantes, mas sua volta ao Tottenham deixou evidente que não havia sido aquele sucesso todo num clube de maior expressão. Aos 28 anos, ele continuou deixando seus golzinhos, mas seus novos quatro anos com o clube de Londres incluíram empréstimos para Celtic e West Ham. Sem espaço no Tottenham e sucumbindo diante das defesas da Premier League, Keane acertou com o Los Angeles Galaxy e espera encerrar sua carreira por lá, sem ter sido a grande estrela de nenhuma esquadra poderosa da Europa.

Veja o gol de Robbie Keane contra a Suécia na última rodada das Eliminatórias:

Curiosidades

– Se entre os clubes Robbie Keane deixou a desejar, na seleção da Irlanda ele é o personagem principal. O atleta é o que mais coleciona partidas, 129 no total, quatro a mais que o goleiro Shay Given. Nos gols marcados, Keane dá de goleada nos compatriotas. Até agora são 60 bolas nas redes, contra 21 de Niall Quin, o segundo melhor. Ele marcou cinco vezes nas Eliminatórias 2014 e neste ano tem seis gols em sete jogos, contando também amistosos.

– Em 13 temporadas na Premier League, o atleta jogou 349 vezes, 273 como titular, com 126 gols anotados. Na carreira, são 256 tentos em 631 partidas. Atualmente, Keane está avaliado em € 1,5 milhão, com salário anual de US$ 4,3 milhões no LA Galaxy.

– No Los Angeles Galaxy em 2013, Keane é companheiro de três brasileiros: Leonardo Ribeiro e Juninho, ex-São Paulo, e Marcelo Sarvas, ex-Corinthians B e com passagens por Suécia, Polônia e Costa Rica. O ex-time de Beckham também conta com Landon Donovan, o goleiro italiano Carlo Cudicini, 40 anos, e o arqueiro panamenho Jaime Penedo, que pode estar na Copa do Mundo 2014.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Bloqueador detectado

A Trivela é um site independente e que precisa das receitas dos anúncios. Considere nos apoiar em https://apoia.se/trivela para ser um dos financiadores e considere desligar o seu bloqueador. Agradecemos a compreensão.