InglaterraPremier League

Gol de Vardy e mágica de Mahrez: o Leicester recuperou a fúria ofensiva para assumir o topo

A sequência difícil de jogos, pela Copa da Inglaterra e pela Premier League, colocou à prova a boa temporada do Leicester City e a prolificidade do ataque dos Foxes. Apesar de não manter o ótimo aproveitamento do restante do Campeonato Inglês, o time de Ranieri conseguiu permanecer no topo, ainda na briga pelo título, e, neste sábado, o ataque voltou a funcionar como em seus melhores dias. E a vitória por 3 a 0 sobre o Stoke foi marcada por duas características com que o time conta muito: a habilidade de Mahrez e o faro de gols de Jamie Vardy.

VEJA TAMBÉM: O golaço de Alli que deu a virada ao Tottenham foi qualquer coisa de espetacular

O Leicester inaugurou o marcador próximo do fim do primeiro tempo, sem contar com a participação de sua dupla mais famosa. Albrighton cobrou escanteio, e Drinkwater pegou a sobra de fora da área para fazer 1 a 0 com um chute forte. Graças ao tento, e também à participação no gol seguinte dos Foxes, Drinkwater viu um lance bisonho seu acabar ofuscado ao fim da partida: uma tentativa de cobrança de falta de Huth completamente arruinada pela desatenção do meia, que vale a citação justamente pela peculiaridade do lance, já que não influenciou o jogo.

A última vez em que o Leicester havia marcado três gols em uma só partida havia sido em 19 de dezembro, no triunfo por 3 a 2 sobre o Everton, no Goodison Park. De lá para cá, foram sete jogos disputados, entre Copa da Inglaterra e Premier League, com apenas quatro gols em todo este período, uma vitória, quatro empates e duas derrotas. Vencer por 3 a 0 foi, portanto, especial para o time de Ranieri, principalmente para o autor do segundo gol.

Gol de Vardy:

Aos 21 do segundo tempo, Drinkwater acertou um lançamento primoroso para Jamie Vardy, que se livrou da marcação e do goleiro antes de bater tranquilo para fazer 2 a 0. Com o tento, o artilheiro da Premier League quebrou uma sequência sem gols que já durava seis partidas no Inglesão. Para quem na primeira metade da temporada havia quebrado um recorde de gols em partidas seguidas, ficar tanto tempo sem marcar era um problema. Com essa questão resolvida, o Leicester ganha um impulso importante.

Por fim, aos 42 do segundo tempo, outro dos protagonistas do Leicester resolveu relembrar seus melhores momentos na temporada. Riyad Mahrez recebeu a bola pela direita, aplicou um elástico com caneta no melhor estilo Ronaldinho Gaúcho e rolou para Ulloa fechar o placar em 3 a 0. O tipo de lance de plasticidade que tornou o triunfo deste sábado completo para os Foxes.

Gol de Ulloa com assistência de Mahrez:

Com o resultado, o Leicester assume provisoriamente a ponta da tabela de forma isolada, com três pontos a mais que o Arsenal, que tem pela frente um clássico londrino contra o Chelsea, neste domingo, para tentar voltar a dividir a liderança com o time de Ranieri. É fantástico que, em uma liga com tantas equipes fortes e de elencos profundos, os Foxes cheguem ao fim da 23ª rodada na condição em que se encontram. Muito disso se deve ao talento de Vardy e Mahrez, que, pelo que mostraram neste sábado, não estão dispostos a parar no meio do caminho do que pode ser uma temporada histórica para o clube.

Mostrar mais

Leo Escudeiro

Apaixonado pela estética em torno do futebol tanto quanto pelo esporte em si. Formado em jornalismo pela Cásper Líbero, com pós-graduação em futebol pela Universidade Trivela (alerta de piada, não temos curso). Respeita o passado do esporte, mas quer é saber do futuro (“interesse eterno pelo futebol moderno!”).

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo