InglaterraPremier League

City abusa das lambanças e é engolido pelo Southampton

Um dia depois de Roberto Mancini afirmar que o Manchester City é o melhor time da Premier League, seu elenco fez questão de desmenti-lo em campo. Nem a volta de Yaya Touré ajudou os Citizens no Estádio St. Mary’s, aonde foram esmagados pelo Southampton. Superiores durante os 90 minutos, os Saints ainda contaram com as insistentes falhas dos visitantes para vencer por 3 a 1.

Mancini escalou o City com um time ofensivo, ao menos no papel. Samir Nasri e David Silva foram posicionados nas meias, enquanto a dupla de ataque era formada por Edin Dzeko e Sergio Agüero. Na defesa, por conta dos desfalques, Javi García foi improvisado ao lado de Joleon Lescott.

Os visitantes só não contavam com o início arrasador do Southampton na partida. Pressionando a saída de bola, o Soton chegou ao primeiro gol aos sete minutos. Gareth Barry perdeu a bola no meio e depois de chute de Jay Rodríguez, Jason Puncheon marcou no rebote. E o ímpeto acabou resultando no segundo gol aos 22. Joe Hart deixou cruzamento de Rickie Lambert passar por entre as pernas e Steve Davis não perdoou o erro.

O Man City tentava se recobrar do prejuízo, mas tinha dificuldades para se desvencilhar da defesa dos Saints. Somente em um contra-ataque é que a equipe conseguiu descontar, aos 39 minutos. David Silva arrancou e serviu Dzeko, que conseguiu desviar, na primeira finalização da equipe dentro da área adversária.

A esperança de uma virada, porém, ruiu logo na volta à etapa final. Puncheon cruzou e Barry desviou como um centroavante, contra as próprias redes, anotando o terceiro tento do Southampton. Na sequência do segundo tempo, Mancini tentou dar novo ânimo ao time, mas as trocas de David Silva por Maicon e de Lescott por Kolarov foram inúteis. O Southampton se defendia com maestria e sabia gastar o tempo quando tomava a bola, mantendo o resultado.

A vitória deixa o Soton na 15a colocação, com 27 pontos, seis acima da zona de rebaixamento. Já o Man City permanece congelado na segunda colocação, com 53 pontos. Uma vitória do Manchester United neste domingo, contra o Everton, pode significar 12 pontos de vantagem na liderança.

Confira os resultados da 26ª rodada da Premier League:

Sábado, 9/fev
Tottenham 2×1 Newcastle
Chelsea 4×1 Wigan
Norwich 0x0 Fulham
Stoke 2×1 Reading
Sunderland 0x1 Arsenal
Swansea 4×1 Queens Park Rangers
Southampton 3×1 Manchester City

Domingo, 10/fev
Aston Villa x West Ham
Manchester United x Everton

Segunda-feira, 11/fev
Liverpool x West Bromwich

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo