Inglaterra

Chelsea quer impedir festa antecipada do Man Utd

O Chelsea recebe o Manchester United neste sábado, pela antepenúltima rodada do Campeonato Inglês, sabendo que uma derrota mata suas chances de impedir o bicampeonato dos Red Devils.

Os times chegam separados por três pontos – 81 para o United, 78 para o Chelsea -, e os Red Devils têm uma folgada vantagem no saldo de gols, com 54 contra 36 dos Blues. Assim, caso os atuais campeões abram seis pontos de diferença, seria praticamente impossível o time de Avram Grant tomar a ponta nas duas rodadas finais.

Vencer em Stamford Bridge, no entanto, é tarefa ingrata para qualquer time. Basta lembrar que o Chelsea está invicto em seu campo na Premier League há 80 jogos, desde a derrota por 2 a 1 para o Arsenal em fevereiro de 2004. Neste período, o time sofreu apenas uma derrota em casa em partidas oficiais: para o Barcelona, em fevereiro de 2006, pela Liga dos Campeões.

No caso de uma vitória do Chelsea, os dois times ficariam empatados em pontos, o que diminuiria a margem de erro dos comandados de Alex Ferguson, que enfrentam o West Ham, em casa, e o Wigan, fora, nas rodadas finais. O Chelsea visita o Newcastle e recebe o Bolton.

Tanto Chelsea quanto Manchester United obtiveram bons resultados fora de casa no meio da semana, nos jogos de ida das semifinais da Liga dos Campeões. Os Blues empataram por 1 a 1 com o Liverpool, em Anfield, na terça-feira. No dia seguinte, o United foi ao Camp Nou e segurou o 0 a 0 com o Barcelona.

Ferguson espera notícias sobre as condições do zagueiro Nemanja Vidic, que não jogou na Espanha por causa de uma indisposição estomacal. No Chelsea, o meia Frank Lampard é desfalque certo, após o falecimento de sua mãe na quinta-feira.

Depois da batalha pelo título, as atenções se voltarão para a luta contra o rebaixamento. O Derby já está condenado, e o maior candidato a fazer-lhe companhia é o Fulham, penúltimo colocado com 27 pontos, cinco a menos que o Reading, último time fora da zona do descenso. O Birmingham, com 31 pontos, abre o grupo dos três últimos.

O Fulham joga fora de casa contra o Manchester City, enquanto o Birmingham recebe um Liverpool provavelmente recheado de reservas. O Reading visita o Wigan, que tem 36 pontos e busca a salvação matemática. Com os mesmos 32 pontos aparece o Bolton, adversário do Tottenham que apenas cumpre tabela.

A rodada termina apenas na segunda-feira, quando o Arsenal visita o Derby. Os Gunners estão em terceiro lugar, quatro pontos atrás do Chelsea, e um revés dos Blues no sábado pode reacender a disputa pela vaga direta na fase de grupos da Liga dos Campeões.

Confira os jogos da 35ª rodada da Premier League:

Sábado, 26/abril
Chelsea x Manchester United (8:45, TV Esporte Interativo, ESPN Brasil)
Birmingham x Liverpool (11:00, ESPN Internacional)
Manchester City x Fulham
Sunderland x Middlesbrough
Tottenham x Bolton
West Ham x Newcastle
Wigan x Reading

Domingo, 27/abril
Portsmouth x Blackburn
Everton x Aston Villa

Segunda, 28/abril
Derby x Arsenal (16:00, TV Esporte Interativo, ESPN Brasil)

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo