InglaterraPremier League

Bola de Ouro? A conquista mais importante da semana é o golaço de Jonas Gutiérrez

Poucas trajetórias merecem tantos aplausos quanto a de Jonas Gutiérrez. O meio-campista do Newcastle precisou se afastar dos gramados para tratar de um câncer nos testículos. Porém, precisou de pouco tempo de recuperação para retomar sua rotina. Em dezembro, dois meses depois de ser operado, o argentino voltava a atuar pelo Newcastle, ainda que fosse pela equipe sub-21. Já nesta segunda, o sinal definitivo que o meio-campista está recuperando a velha forma, ao anotar um lindo gol no empate por 1 a 1 com o Bolton Sub-21, o primeiro desde o retorno.

VEJA TAMBÉM: Após vencer um câncer, Gutiérrez voltou a sentir o gostinho de jogar

Capitanear os juniores, aproveitando a brecha para jogadores acima do limite de idade, é um grande passo para Gutiérrez demonstrar sua vitória. Mas, aos 32 anos, o veterano pode mais. Ainda que não volte ao seu auge com a camisa dos Magpies, com a qual se tornou um dos jogadores mais queridos pela fanática torcida, o simples fato de ser reintegrado ao time principal já é uma enorme conquista. Uma caminhada para se completar nos próximos meses.

“O mais importante é ficar em forma e disputar jogos. Obviamente, você quer sempre vencer, mas o mais importante para mim é voltar ao normal, fazer o meu melhor nos treinos e dar 100% dentro de campo. É sempre ótimo acordar e saber que tenho que treinar. Quando tinha quimioterapia e o tratamento para seguir, não tinha permissão para isso. Eu perdi muito, e agora aproveito mais do que nunca”, declarou Gutiérrez. Um baita exemplo.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo