Inglaterra

Barcelona aceita proposta do Tottenham, e Emerson Royal é mais um brasileiro na Premier League

O lateral direito de 22 anos havia sido comprado do Betis, mas já foi repassado aos Spurs com um rápido lucrinho

O Barcelona parecia ter a intenção de usar o lateral direito Emerson Royal nesta temporada. Havia exercido a cláusula de recompra para contratá-lo do Betis, por cerca de € 9 milhões, e o técnico Ronald Koeman lhe dera o primeiro jogo como titular no último fim de semana, contra o Getafe. No entanto, não resistiu à proposta de € 30 milhões do Tottenham que transformou o ex-jogador do Atlético Mineiro em mais um brasileiro que disputará a Premier League.

Emerson, ainda com 22 anos, chegou à Espanha em janeiro de 2019 em um acordo em três partes que o enviou imediatamente ao Betis. Com vocação ofensiva, apenas Jesus Novas, Kieran Trippier e Jordi Alba superaram as dez assistências que ele deu no Campeonato Espanhol ao longo das últimas duas temporadas. Foi o jogador que mais minutos disputou na edição 2020/21 de La Liga pelo Betis, com 2.989, e contribuiu para o sexto lugar que levou o time de Manuel Pellegrini à Liga Europa.

No radar da seleção brasileira e convocado à Copa América deste ano, Emerson terá concorrência nos Spurs. Disputará posição com Matt Doherty, que trabalhou com o técnico Nuno Espírito Santo no Wolverhampton, e com o jovem Japhet Tanganga, lateral direito do português neste começo de trabalho, mas que pode atuar em mais de uma posição. Quem deve perder espaço é o marfinense Serge Aurier – que nunca se firmou de fato no norte de Londres.

“Fala pessoal. Estou aqui para mostrar um pouquinho da minha alegria por poder estar na melhor liga do mundo e em um dos melhores clubes do mundo. Estou muito feliz pela oportunidade que o Tottenham está me dando. Desejo chegar logo para sentir esse gostinho desse clube maravilhoso. Come on, you Spurs. Nos vemos”, afirmou Emerson em uma mensagem por vídeo.

Ao Barcelona, o ponto positivo do negócio foi um rápido lucro para ajudar a fechar as suas contas, embora € 5 milhões da transferências precisem ser repassados ao Betis – que já havia recebido € 9 milhões da cláusula de recompra. Para a posição, ainda tem Sergiño Dest e Sergi Roberto, que vem sendo usado no meio-campo neste começo de temporada. Emerson Royal se despediu com uma mensagem no Instagram:

“Bom, Barcelona, nosso encontro foi muito rápido. Acredito que já tinha ouvido falar do meu sonho de infância de vestir sua camisa, conhecer seus torcedores, sua casa. Este garoto que quando pequeno se vestia de roxo e azul abriu os olhos e se encontrou diante de um homem disposto a defendê-lo e a ajudá-lo a honrá-lo com tudo que merece. Todos sabemos que os sonhos não têm tamanho, nem forma, nem tempo. Eu acordei. E quando isso aconteceu, recebi todo o carinho dos torcedores, dos companheiros de clube, pisei o seu gramado, com toda minha garra. Obrigado por ter vivido um pouco do que sempre imaginei. Nunca sabemos o que nos espera. Nunca sabemos se o sonho é um pouco de realidade ou se a realidade é um pouco de sonho. Anime-se, Barcelona! Quero agradecê-los por acreditar em um garoto sonhador”.

No fim das contas, a janela de transferências do Tottenham foi competente. Contratou dois jovens para o futuro, com o ponta Bryan Gil (20 anos) e o volante Pape Sarr (18), ex-Metz, trouxe o goleiro Pierluigi Gollini para disputar posição com Hugo Lloris e reforçou sua defesa com Emerson e o zagueiro Cristian Romero. Claro que nada disso seria tão importante se Harry Kane não tivesse permanecido, apesar do interesse do Manchester City.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo