InglaterraPremier League

Agüero é o ponto alto da temporada irregular do Manchester City

Se na temporada passada, Yayá Touré foi, discutivelmente, o melhor jogador do Manchester City na campanha que culminou no título, nesta temporada é Sergio Agüero quem ocupa o posto de grande destaque do time. Neste domingo, em mais um jogo fraco do Manchester City, o time venceu por 1 a 0 o Tottenham fora de casa. O gol? Agüero, claro. Foi o 22º gol dele na Premier League, o que o deixa tranquilo na liderança da artilharia do campeonato. Do outro lado estava Harry Kane, sensação inglesa na temporada, com 20 gols. Embora o inglês tenha mostrado qualidade, fica evidente o quanto o argentino ainda está muito à frente.

LEIA TAMBÉM: Como Mourinho fez do Chelsea mais uma vez campeão inglês

Agüero tem sofrido com lesões nas últimas duas temporadas. Mesmo assim, é sempre o principal atacante do time. O gol deste domingo garantiu a 21ª vitória do time. A campanha do time, na tabela, não é ruim, muito pelo contrário. O Manchester City é o segundo colocado da Premier League, 70 pontos, três à frente do Arsenal (que tem dois jogos a menos e, portanto, pode ultrapassar os Citizens) e cinco a mais que o Manchester United, quarto colocado. A distância para o Liverpool já é de nove pontos, o que torna praticamente impossível que o time fique fora da Champions League na próxima temporada. Com três rodadas para o fim do campeonato, o time teria que perder as três e o Liverpool vencer as três, além de tirar um saldo de 24 gols – o saldo de gols é o primeiro critério de desempate.

Mesmo assim, a sensação no Manchester City é de fracasso. Porque o futebol do time não empolgou, com muita irregularidade e perdendo duelos importantes. A eliminação na Champions League, mais uma vez nas oitavas de final e sendo muito inferior ao Barcelona, também frustrou os torcedores. A campanha do time na Premier League, em pontos e posição, é boa, mas o problema é que o time pouco fez para concorrer de verdade com o Chelsea pelo título. Desde agosto, no início da temporada, o time de Londres está na ponta da tabela e o Manchester City realmente não ameaçou a taça do time de José Mourinho.

O futebol irregular e os resultados pouco convincentes em muitas oportunidades levam a um questionamento do técnico Manuel Pellegrini. Estão sendo cotados diversos nomes para substituí-lo, como Carlo Ancelotti, por exemplo, além de Pep Guardiola e Jürgen Klopp. A pressão está grande e o elenco pode sofrer uma mudança grande na próxima temporada. Mas um nome certamente continuará fundamental: Sergio Kun Agüero.

Agüero não é apenas o artilheiro, é o jogador que mais vezes chuta a gol em média, com 4,4 chutes por partida. Segundo o WhoScored, a média de nota do argentino é 7,59, a sétima melhor da Premier League. Se a temporada do Manchester City é decepcionante por não ter sido páreo para o Chelsea na Premier League e para o Barcelona na Champions League. E a sensação de fracasso ainda pode aumentar se o Arsenal conseguir as vitórias nos dois jogos que tem a menos e passar os Citizens.

O ponto fraco de Agüero é a seleção argentina. Com a camisa albiceleste, o atacante ainda não conseguiu mostrar a capacidade que tem sido constante no Manchester City. Ao final da temporada, ele terá nova chance de mostrar que pode ser importante também na seleção na Copa América, disputada no Chile. É o momento da virada para este argentino.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo