Ligue 1

PSG vence clássico com o Olympique Marseille e fica com nove dedos na taça da Ligue 1

Confira o resumão de tudo que rolou na 32ª rodada do Campeonato Francês

*Conteúdo oficial da Ligue 1

O PSG venceu Olympique de Marseille por 2 a 1 e abriu 15 pontos, com 18 a serem disputados. Está com nove dedos na taça. A última vez que o clube celebrou plenamente a conquista do Campeonato Francês foi na temporada 2018/19, já que na passada o Lille foi o campeão e no ano anterior a pandemia encurtou a competição e limitou a celebração.

 

Neymar marcou mais um gol. Seu 11º na temporada. Entre os dez jogadores que mais marcaram nesta edição, Neymar já figura entre os melhores, em média de minutos.

A partida marcou o encontro de brasileiros.

Gerson, inclusive, ultrapassou a casa dos 2.000 minutos em campo nessa rodada e é o 7º brasileiro que mais esteve em campo nessa edição da Ligue 1.

Os dois estiveram em campo os 90’, mas, de acordo com os números, Neymar foi melhor que Gerson ao longo do confronto.

Na zaga, dois xerifes com origem em clubes de São Paulo: Marquinhos, ex-Corinthians, e Luan Peres, ex-Santos.

O ex-santista teve uma missão inglória: parar Messi.

Os números, apesar de vantajosos para Marquinhos, se mostraram parelhos.

Com dois gols de Delort, Nice aproveitou tropeços de OM e Rennes e mantém o sonho da Champions League vivo.

Estrasburgo e Monaco também chegaram juntos. O Monaco venceu o Rennes, fora de casa, por 3 a 2 enquanto o Estrasburgo poderia ter avançado ainda mais se não tivesse ficado no empate em 1 a 1 com o Troyes.

Dembélé marcou dois gols na goleada de 6 a 1 do periclitante Lyon sobre o Bordeaux e entrou no top 5.

Com exceção de Laborde (Rennes), a rodada ficou marcada também por todos os principais concorrentes à artilharia terem marcado.

Mbappé (1), Terrier (2), Ben Yedder (1) e Dembélé (2) deixaram suas marcas.

 

Paquetá também deixou o seu na goleada do Lyon por 6×1 sobre o Bordeaux e só fica atrás de Neymar entre os brasileiros que mais marcaram nesta temporada.

Vanderson, que chegou no meio da temporada ao Monaco, foi talvez o principal nome da vitória do Monaco diante do Rennes.

O jogo valia “seis pontos” por conta das ambições dos dois clubes perante as competições europeias da próxima temporada.

Vanderson marcou um gol e deu uma assistência na partida.

Confira o número do jovem jogador em 12 jogos disputados (total).

Ele segue jogando na linha de meio-campo e não como lateral direito como era no Grêmio e foi considerado o melhor da partida por muitos sites especializados.

Outro brasileiro importante foi Fabio, irmão de Rafael, agora, no Botafogo.

Ele deu assistência para o gol de empate do Nantes, sua equipe, contra o Angers por 1 a 1.

O Nantes que lutou para não cair na temporada passada faz campanha digna em 2021/2022.

Inclusive, na 32ª rodada, o clube era o vice-lanterna da competição.

Na zona do rebaixamento, a salvação do Bordeaux ficou um pouquinho mais difícil. A goleada diante do Lyon (1 a 6), a vitória do Saint-Étienne (2 a 1 sobre o Brest) e o pontinho que o Clermont ganhou ao empatar com o lanterna Metz (1 a 1) deixou a tarefa mais complicada.

E se preparem!

Essa semana tem jogo no meio dela e tem muita decisão para rolar pela frente…

Até a próxima edição do boletim! 🙂

Au revoir!

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo