Ligue 1

PSG tropeça, mas Olympique de Marseille perde do lanterna e quem aproveita é o Lorient

Confira os destaques da 10ª rodada da Ligue 1

*Conteúdo oficial da Ligue 1

Sem Messi e com Neymar apenas em parte da segunda etapa, o PSG perdeu uma excelente oportunidade para disparar na liderança ao não sair do empate sem gols diante do Stade Reims.

Invicto em 10 jogos, Christophe Galtier tem a terceira melhor campanha e o segundo melhor ataque do PSG, a esta altura da Ligue 1, nas últimas cinco temporadas.

Depois de um início avassalador, o ritmo de Neymar deu uma caída nas duas últimas rodadas como mostram os números…

Engana-se quem acha que foi o Olympique de Marseille o principal favorecido na rodada.

Quem se aproveitou foi o Lorient, que venceu o Brest fora de casa por 2 a 1, com dois gols do atacante nigeriano Terem Moffi.

Sem sentir o gosto da derrota há seis jogos, o time do lateral direito Igor Silva, que ainda não entrou em campo na temporada, diminuiu a diferença pro PSG para um ponto apenas.

Moffi, a propósito, vive grande fase e chegou ao seu oitavo gol na competição, mesmo número que marcou na temporada passada inteira quando disputou 37 jogos.

O ranking de classificação usa como critério a quantidade de minutos em campo como critério para organizar os artilheiros.

Além de Moffi, outro destaque é o jovem norte-americano naturalizado inglês, Folarin Balogun, do Reims.

Ele tem sido um excelente “matador”, como se fala dos atacantes.

Veja o tempo que os principais atacantes da competição demoram para guardar um golzinho…

Se ganhasse, o Marseille, que enfrentava o LANTERNA Ajaccio, estaria empatado em pontos com o PSG.

Se…

O time conseguiu a proeza de perder.

Nesta temporada da Ligue 1, Gerson não jogou uma partida inteira uma vez sequer. Logo ele que foi um dos principais nomes do Olympique na temporada passada.

Na 10ª rodada, Gerson só ficou em campo durante 55 minutos e foi substituído mais uma vez. Em campo, novamente, atuou pela direita.

Enquanto Gerson pouco roda em campo, a rodada 10 ficou marcada por gols de brasileiros.

Tetê, pelo Lyon, marcou na partida em que seu time abriu a rodada e ficou em um empate de 1×1 frustrante contra o Toulouse de Rafael Ratão.

Aqui estão os números que expressam o desempenho dos dois no confronto.

Ratão fez até mais em bem menos tempo!

O empate foi o fim da linha do holandês Peter Bosz no comando Lyon. Desde que assumiu, Peter não conseguiu levar o Lyon ao sucesso.

Seu aproveitamento total na Ligue 1 foi de apenas 52,7%. Confira os números do Lyon sob comando de Peter Bosz.

Outro que marcou seu gol na rodada foi o zagueiro Jubal, que no Brasil passou por Santos, Avaí e Vila Nova.

Seu Auxerre, que já chegou à 7ª colocação emendou o sexto jogo sem vencer. Desta vez a derrota foi para o Clermont, do lateral-esquerdo Neto Borges, ex-Vasco, por 2 a 1.

Por fim, Caio Henrique deu mais uma assistência no gol de Myron Boadu, que fechou a vitória por 2 a 0 contra o Montpellier.

Caio já chega a sua quinta assistência na temporada.

Já é o terceiro melhor do quesito na competição.

Fim de semana tem mais!

A rodada 11 vem aí!

E tem PSG x Marseille! Domingo, dia 16 às 15h45!

Certo mesmo é que o Lorient está de olho na liderança!

Até lá!

Botão Voltar ao topo