Ligue 1

O Lille visitou o Parc des Princes e saiu de lá com a liderança, ao derrotar o PSG – com Neymar ainda expulso no fim

O Paris Saint-Germain parecia pronto a exercer sua força nos torneios domésticos, depois de eliminar o Lille na Copa da França e derrotar o Lyon na rodada passada da Ligue 1. Neste sábado, o PSG se reencontrava com o Lille e uma vitória poderia ser essencial na reconquista do Campeonato Francês. No entanto, os Dogues seguraram as ambições dos parisienses dentro do Parc des Princes. Com um gol nos primeiros 20 minutos, os visitantes construíram o triunfo por 1 a 0 e tiveram uma ótima exibição defensiva para segurar o resultado. E a derrota acaba sendo particularmente amarga a Neymar, que reapareceu em campo após dois meses e terminou expulso.

A partida marcava o retorno de Neymar ao PSG, após se recuperar de lesão. O brasileiro formava um quarteto ofensivo com Kylian Mbappé, Ángel Di María e Moise Kean. O camisa 10 participava bastante nos primeiros minutos, com um voleio para fora e depois uma cobrança de falta por cima do travessão. Ainda serviu Mbappé, num lance que o goleiro Mike Maignan salvou o primeiro gol. Só que o bom início dos parisienses seria frustrado pelo tento do Lille aos 20 minutos.

O lance decisivo exibiu a velocidade do ataque do Lille. Jonathan Ikoné arrancou pela esquerda e passou para Jonathan David dentro da área. O canadense dominou, bateu de chapa e contou com um desvio em Marquinhos para tirar Keylor Navas. O goleiro, aliás, ainda evitaria o segundo na sequência, em lance que acabou anulado por impedimento. Os Dogues ainda foram bem no restante da etapa inicial, se protegendo bem na defesa e assustando nos contragolpes.

Neymar tomou o primeiro amarelo no início do segundo tempo, numa discussão com Benjamin André. O PSG precisava pressionar, mas não conseguia passar pelo goleiro Maignan. Enquanto isso, Navas também se mantinha atento e salvou uma pancada de Jonathan Bamba. Com o passar dos minutos, Mauricio Pochettino tentou reforçar a capacidade pelos lados, mas o abafa parisiense não resultava em gols. Neymar perdeu boa chance aos 24, numa cabeçada que passou ao lado do poste. Apesar da persistência, faltava precisão.

O Lille, mesmo acuado, se defendia bem e conseguia encaixar contragolpes esporádicos. Navas seguia mantendo seu time no jogo, de novo ao se agigantar diante de Burak Yilmaz aos 33. O duelo foi ficando cada vez mais tenso e o PSG se perdeu na pilha. Já tinha rolado uma grande discussão em campo, até que Neymar fosse expulso ao lado de Tiago Djaló. O lateral deu um rapa no atacante, que não gostou e o empurrou fora do campo. Os dois receberam o segundo amarelo. Fim de jogo melancólico a mais uma atuação insuficiente dos parisienses.

O Lille recupera a liderança, com 66 pontos, e tenta pôr fim à sua instabilidade recente na Ligue 1. Já o PSG fica com 63 pontos, desperdiçando outra chance de ouro. O Monaco aparece na cola com 62 pontos e o Lyon pode chegar também a 63 na sequência da rodada. Tudo aberto no Francesão, restando apenas sete rodadas para o desfecho do campeonato.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo