Ligue 1

O Lille passou certo aperto, mas derrotou o Metz e abriu seis pontos na liderança da Ligue 1

Maignan pegou um pênalti, antes que os turcos do time dessem a vitória fora de casa

Depois de vencer o Paris Saint-Germain dentro do Parc des Princes na rodada passada, o Lille se garantiu por mais uma rodada na liderança da Ligue 1. Os Dogues entraram em campo logo nessa sexta-feira e visitaram o Metz. Foi um pouco complicado derrotar o adversário de meio de tabela, mas saiu o triunfo por 2 a 0. Com isso, o Lille abre provisoriamente seis pontos na primeira colocação e liga o secador durante o final de semana, quando jogam seus três principais perseguidores – PSG, Monaco e Lyon.

O Metz pressionou no início da partida e até desperdiçou um pênalti aos 17 minutos. Aaron Leya Iseka cobrou e o ótimo goleiro Mike Maignan realizou uma defesa sensacional, ao buscar o tiro no cantinho. O primeiro tempo seguiu com o placar zerado, por mais que o Lille tenha melhorado. Só na volta do intervalo que os Dogues construíram o triunfo. Leya Iseka acertou a trave antes disso, até que Burak Yilmaz marcasse o primeiro aos 15. O turco invadiu a área com liberdade e chutou forte para marcar. O placar acabaria definido aos 44, numa pancada de Zeki Çelik.

O Lille chega aos 69 pontos, com mais seis partidas pela frente. O PSG aparece abaixo com 63, enquanto Monaco (62) e Lyon (61) permanecem no páreo. O PSG visita o Strasbourg no sábado. Já no domingo, o Monaco recebe o Dijon e o Lyon pega em casa o Angers. O Metz, na décima posição, tem 42 pontos.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo