Ligue 1

Mais uma rodada em que o segundo perde; PSG empata, Lyon tropeça de novo; Brest e Rennes despontam – a 17ª rodada da Ligue 1

Confira o balanço oficial elaborado pela Ligue 1

* Conteúdo oficial da Ligue 1

A Ligue 1 Uber Eats 2021/22 já tem maldição para chamar de sua: a maldição do segundo lugar.

Quem chega nessa posição, perde na rodada seguinte e, consequentemente, acaba perdendo também a vice-liderança.

A vítima da vez foi o Olympique de Marseille. Derrota para o Brest por 2 a 1.

E nem mesmo o gol de Gérson – sua segunda partida seguida marcando e novamente com assistência de Payet – fez com que o tal maldição fosse quebrada.

O Rennes, que já foi vice-líder e perdeu para o Lille na 16ª rodada, volta ao posto após despachar o Saint-Étienne por 5 a 0 na casa do rival.

Será que agora vai?

Martin Terrier foi o destaque com três gols sendo o segundo dele – e da sua equipe – de letra.

Como mencionado, Gerson voltou a marcar e com três gols está empatado com Neymar e Marquinhos na segunda posição entre os brasileiros com mais gols na temporada.

Algoz do time de Gerson, o Brest ganhou suas últimas cinco partidas e já está em 6º.

Curiosamente, o time só venceu sua primeira partida na 12ª rodada.

Parece que tomou gosto pela vitória…

Já o PSG parecia mais uma pequena versão da Seleção Argentina diante do Lens.

Um quarteto argentino iniciou a partida: Messi-Di Maria-Icardi-Paredes.

O mais curioso é que o PSG só tinha um francês em sua escalação inicial: o zagueiro Kimpembe.

Aos 68’, quando o Lens vencia por 1-0 com gol de Fofana, David Costa meteu na trave o que seria o 2º gol do Lens.

Era o gol da vitória…

E como quem não faz, leva… Wijnaldum, aos 92’, empatou com passe de Mbappé.

Poupado por conta do excesso de jogos, Mbappé entrou aos 70’ e com 23’ minutos jogados apenas, deu mais uma assistência e se mantém líder no fundamento.

No gol do PSG foi a vez de Navas atuar. Pochettino tem feito rodízio entre seus goleiros.

A rodada acabou sendo boa para Jonathan David.

Ele entrou no intervalo e marcou seu 11º gol na temporada, distanciando-se na artilharia.

Para deixar tudo ainda melhor, Laborde, Bayo e Gouiri não marcaram.

Dos cinco mais, Ajorque e Diallo, ambos do Strasbourg, deixaram suas marcas na acachapante sobre o Nice, fora de casa, por 3 a 0.

E o Lyon, ein?

Com uma jogada brasileira, o time até chegou a fazer dois um quando Lucas Paquetá deu a assistência para Thiago Mendes, pouco utilizado até então em toda temporada, marcar seu primeiro gol no campeonato.

Além de ser o brasileiro com mais gols, Paquetá também vai somando assistências e está empatado na liderança do fundamento entre os brasileiros.

Só que o Lyon cedeu o empate ao Bordeaux mais uma vez com o jogo na mão e agora amarga a 12ª colocação apenas.

Após tudo isso, só nos resta esperar a rodada 18, que será no fim de semana!

Au revouir!

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo