Ligue 1

Lyon supera o Strasbourg e volta a integrar o pelotão de cima da Ligue 1

Começo turbulento não tirou a força dos Gones, que terão o PSG pela frente

O Lyon parece ter superado uma grande turbulência em seu início na Ligue 1. Após três jogos ruins sem vitória, a equipe de Peter Bosz recuperou seu prumo ao bater o Nantes, na rodada que antecedeu a parada da Data Fifa. Neste domingo, mais uma vez, os Gones saíram de campo com os três pontos, diante do Strasbourg, por 3 a 1.

A vitória confortável colocou a equipe na sexta posição, que pode até parecer pouco para as ambições do clube neste momento, mas certamente é um indício de que há um longo caminho para evoluir. A chegada de Xherdan Shaqiri também representa alguma expectativa para a torcida. O suíço estreou e deu uma prova de seu talento.

A coisa funcionou bem já no primeiro tempo, quando aos oito minutos o goleador Moussa Dembelé abriu o caminho para o triunfo, com assistência de Bruno Guimarães. E foi um golaço, com direito a matada no peito e batida no ângulo. Ter a vantagem logo cedo no Groupama Stadium permitiu que os mandantes tivessem mais tranquilidade para administrar o resto da partida.

Controlando bem as ações, o Lyon foi trabalhando até o segundo gol, mas a espera foi um tanto longa. O Strasbourg ameaçou empatar, mas esbarrou na própria falta de pontaria, sobretudo na etapa final. Antes que o jogo ficasse perigoso, os mandantes ampliaram, aos 19 do segundo tempo, com Jason Denayer. A assistência? Na conta de Shaqiri, que foi muito esperto numa jogada de escanteio curto e, na volta, achou o zagueirão livre para testar.

A goleada ficou ao alcance. Lucas Paquetá já tinha tentado uma vez, mas foi na segunda que acertou a cavadinha que planejava. O brasileiro teve um duelo particular com o goleirão Matz Sels e conseguiu deixar o seu quando faltavam poucos minutos para o apito final. O Strasbourg até chegou a diminuir com Habib Diallo, nos acréscimos, mas era só questão de honra.

Está bastante claro que Bosz tem um ótimo elenco à disposição e cada vez mais essas peças vão se encaixando na sua proposta. Se o Lyon de fato peitará o Paris Saint-Germain e o Nice nessa temporada, só saberemos ao fim do primeiro turno, mas o material humano fez diferença neste domingo. Os Gones precisam dessa confiança mais do que nunca, já que na próxima rodada pegam o PSG, fora de casa.

Enquanto o jogo contra o time mais temido do continente não chega, o Lyon vai afiando a artilharia. Na quinta-feira, terá um duelo pela Liga Europa contra o Rangers, em Glasgow. Certamente serão dois confrontos que exigirão bastante desse núcleo jovem.

 

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é editor-chefe da Revista Relvado, zagueiro ocasional, ex-jornalista, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo