Ligue 1

Com show de Paquetá, Lyon atropela Monaco e PSG segue disparado – a 10ª rodada da Ligue 1

O que aconteceu na 10ª rodada da Ligue 1 Uber Eats 2021-2022

*Conteúdo oficial da Ligue 1

No retorno da Ligue 1 Uber Eats, o Lyon passou o carro em cima do Monaco.

Em boa fase tanto na Seleção Brasileira quanto no Lyon, Lucas Paquetá voltou a se destacar e fez uma jogada genial que quebrou a defesa do Monaco de Niko Kovac.

Se pelo Brasil ele atuou pela esquerda, no Lyon ele costuma jogar pelo lado direito. Nessa função, ele deu de cara com Caio Henrique, lateral ex-Fluminense, e que vem bem na temporada.

Mas quem brilhou mesmo foi Bruno Guimarães. O meia, ex-Athlético Paranaense, foi o DONO do jogo.

Vitórias como essa dão a impressão de que o Lyon pode se candidatar a objetivos ainda maiores na temporada, mas, pra isso, precisa de uma constância melhor.

Os últimos cinco jogos apontam bem esse cenário.

Falando em constância, o PSG sofreu, mas venceu pela 9ª vez em 10 jogos. O gol da partida – e da vitória – saiu no finalzinho mais uma vez.

Sem Messi e Neymar, Mbappé ficou mais “espaçado” em campo conforme mostra o design. Em tempo: Icardi, isolado, não foi bem.

O gol da vitória – de pênalti – foi de Mbappé, o que o deixa entre os principais artilheiros da temporada.

Entretanto, o destaque é de Gaëtan Laborde, do Rennes. Contratado a peso de ouro (15 milhões de euros junto ao Montpellier), Laborde já guardou sete vezes seus golzinhos.

Um detalhe é que ele está na ponta dos cascos: nos últimos quatro jogos, quatro gols. Clermont, Bordeaux, Paris Saint-Grermain e Metz foram vítimas de seu poderio.

Gaëtan Laborde, inclusive, foi um belo de presente de grego para Jemerson.

O zagueiro brasileiro, ex-Atlético-MG e Corinthians, que fazia sua estreia pelo Metz, viu seu time levar 3 do Rennes.

Apesar disso, Jemerson, com seus 80 minutos jogados, entrou no Ranking dos Brasileiros com mais tempo em campo. O ranking, inclusive tem três jogadores de defesa com mais minutos.

Com os tropeços de Nice e Lens, o Marseille se credencia a ser quem vai correr – um pouco distante nesse momento – atrás do PSG.

A vitória por 4 a 1 sobre o Lorient deu essa impressão.

Parceiros na “meiuca” do time de Jorge Sampaoli, Guendouzi e Gerson são os pilares para o Marseille avançar. E o meia francês marcou duas vezes na rodada.

Poupado, Gerson não entrou em campo, mas os números mostram que Guendouzi e Gerson, apesar de frequentarem a mesma função, tem características diferentes.

Enquanto o francês mostra com aptidões mais ofensivas pelo lado direito do campo, Gerson parece ter uma pegada mais tática e central.

Apesar da diferença o Marseille é o segundo time com maior posse de bola na temporada 2021-2022 da Ligue 1 Uber Eats.

Só fica atrás do PSG que é, justamente, seu próximo adversário.

O clássico, aliás, vai mostrar muito do que esperar do time de Sampaoli para o restante da temporada porque os tropeços marcaram o início da caminhada, enquanto o time de Maurício Pocchetino sobra com 9 pontos na frente do segundo colocado em apenas 10 rodadas.

Por fim, a classificação atualizada:

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo