Ligue 1
Tendência

Com Neymar expulso, PSG arranca vitória no final contra Strasbourg com gol de pênalti de Mbappé

No retorno da Ligue 1, Mbappé marcou o gol da vitória do PSG nos acréscimos, em jogo que Neymar acabou expulso de forma estúpida

O Paris Saint-Germain venceu o Strasbourg por 2 a 1 em um jogo que foi mais sofrido do que deveria. O jogo fica marcado pela expulsão de Neymar, em um jogo que estava jogando bem. Tomou cartões quase seguidos, um por uma mão na cara do rival, outro por uma simulação. Uma estupidez. No fim, quem marcou o gol da vitória do PSG no final foi Kylian Mbappé, que não fez um grande jogo, mas se esforçou muito, pediu apoio da torcida e marcou, de pênalti, já aos 51 minutos.

O técnico Christophe Galtier teve o retorno de algumas das suas estrelas para o jogo contra o Strasbourg. Kylian Mbappé e Neymar estavam de volta ao time, com Lionel Messi ainda de folg. Marquinhos e Vitinha, outros jogadores que estiveram na Copa, também apareceram no time titular. Mesmo assim, a escalação foi um pouco diferente: Nordi Mukiele foi o lateral direito, no lugar de Achraf Hakimi, outro que retornou da Copa, mas começou no banco. Na lateral esquerda, El Chadaille Bitshiabu, de apenas 17 anos, zagueiro canhoto que atuou na lateral.

Em um primeiro tempo que começou corrido, o PSG começou abrindo o placar aos 14 minutos. Em cobrança de falta de Neymar pela direita, Marquinhos tocou de cabeça para marcar 1 a 0. O zagueiro brasileiro estava livre pelo meio da área para tocar de cabeça, uma falha de marcação. Foi a 10ª assistência de Neymar na Ligue 1, se igualando a um companheiro de clube: Lionel Messi.

Gianluigi Donnarumma precisou fazer uma boa defesa ainda no primeiro tempo, em um lance aos 29 minutos. Em uma boa tabela, Ludovic Ajorque cruzou rasteiro da direita para Kévin Gameiro, que completou para o gol, mas o goleiro italiano estava bem posicionado para impedir o gol. Uma defesaça.

No segundo tempo, o Strasbourg arrancou o empate nos primeiros minutos da etapa final. Marco Verratti fez um passe errado para trás, Adrien Thomasson pegou a bola, foi até a linha de fundo já dentro da área e cruzou, a bola desviou de leve em Marquinhos e tirou de Gianluigi Donnarumma.

Em um lance que Neymar veio pelo meio, o brasileiro fez um lindo passe para Mbappé, na cara do gol, mas o goleiro Matz Sels faz a defesa. Um bom lance. Aos 17 minutos, em um lance de ataque, Neymar se jogou dentro da área tentando cavar um pênalti. O árbitro marcou falta de Neymar e deu o cartão amarelo por simulação e, como ele já tinha um cartão recebido minutos antes, foi expulso. O PSG ficou com um jogador a menos.

Neymar reclama com o árbitro (JULIEN DE ROSA/AFP via Getty Images)

O PSG tinha vontade, mas o time não conseguia o gol. Até que no final, em uma tabela de Marquinhos com Mbappé, o atacante acabou derrubado na área. Marquinhos fez o gol na continuação do lance, mas o árbitro já tinha marcado pênalti. Foi o próprio Mbappé que cobrou, aos 51 minutos, e marcou: 2 a 1 para o PSG.

Com o apito final, Mbappé e os jogadores do PSG comemoraram muito. Mesmo em um jogo de temporada contra o vice-lanterna, os jogadores do clube parisiense comemoraram muito. Segundo informações Canal +, como relatado pelo Le Parisien, Neymar sequer ficou no estádio até o fim do jogo. Não esperou os companheiros ao final do jogo. Uma situação que certamente pesará contra ele, assim como a expulsão absolutamente estúpida, criando mais burburinho porque o PSG faz o seu próximo jogo no dia 1º de janeiro. Embora a temporada de Neymar viesse sendo boa, Neymar conseguiu estragar a sua volta ao clube francês. Em termos de futebol, ele segue capaz de fazer muito. O problema é que esse tipo de episódio causa mais problemas do que os clubes parecem dispostos a aguentar.

O time segue na liderança com 44 pontos, oito pontos à frente do Lens (que tem um jogo a menos). O Strasbourg tem 11 pontos, em 19º.

Foto de Felipe Lobo

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!). Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009, onde ficou até 2023.
Botão Voltar ao topo