Europa

Quase 7 a 1: Portugal mostrou talento para trucidar a Alemanha por 5 a 0 no sub-21

O Europeu sub-21 é, na verdade, um torneio sub-23 quando chega em sua fase final. Isso porque o torneio de 2015 começa em 2013, que é quando vale o limite de idade. Feita essa ressalva, o que se viu no estádio Ander, em Olomuc, na República Tcheca, foi um massacre. Portugal mostrou que tem uma geração talentosa e trucidou o time da Alemanha em um 5 a 0 impetuoso, garantindo a presença na final do torneio, com destaque para Mário, autor de um dos gols e que deu passe para outro.

LEIA TAMBÉM: Conheça os times que subiram à 1ª divisão em Portugal

Foram muitos os destaques de Portugal na partida. O zagueiro Paulo Oliveira fez um ótimo jogo, assim como o meio-campista William Carvalho, que é alvo do Arsenal há algum tempo. O jogador do Sporting é visto como um meio-campista com muita técnica. Sergio Oliveira, o capitão do time, também foi muito bem na partida. Bernardo Silva, o camisa 10, combinou bem com Ricardo Pereira e Ivan Cavaleiro, todos com gols marcados na partida.

Bernardo Silva, o camisa 10, tem 20 anos. É jogador do Monaco, mas foi revelado pelo Benfica. Emprestado ao Monaco, agradou e foi comprado por € 15,75 milhões no começo de 2015.O grande nome do jogo, João Mário, é do Sporting, um dos grandes formadores do futebol português. Com 22 anos, atua pelo time de Lisboa e é um dos talentos da equipe. Sérgio Oliveira, o capitão do time, tem 23 anos e pertence ao Porto. Atuou emprestado ao Paços de Ferreira na última de temporada. Resta saber se será aproveitado nesta temporada – e a boa participação no sub-21 é uma boa credencial para isso.

Do lado alemão, a decepção é porque alguns nomes chegaram bastante cotados. O principal foi Marc-André Ter Stegen, do Barcelona. Emre Can fez um bom europeu, assim como o meio-campista Leonardo Bittencourt. A goleada não quer dizer que o time não presta ou que não há talentos. Mas é um golpe duro em um time que parece ter um jeito de jogar.

Portugal tem muito o que comemorar porque mostrou uma seleção talentosa. Como já tinha mostrado também no Mundial sub-20, quando caiu diante do Brasil mesmo jogando melhor, mas indo mal nos pênaltis. Portugal terá uma chance de conquistar um título, o que não é pouca coisa. Os portugueses nunca levantaram a taça, embora tenham chegado perto em 1994, derrotados pela França. Desta vez, pode revelar alguns jogadores que podem ajudar também o time principal.

Um 5 a 0 é sempre impactante e cria uma grande motivação para o time. O time entrará em campo contra Dinamarca ou Suécia com a responsabilidade de mostrar que a boa gama de jogadores pode levar o time ao primeiro título continental da categoria. O que, para um país como Portugal, é uma conquista muito significativa.

Gols:




Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo