Europa

Presidente da federação georgiana renuncia por má campanha

A má campanha da Geórgia nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2010 provocou a renúncia de Nodar Akhalkatsi ao cargo de presidente da federação do país (GSF).

“Diante de tão maus resultados da seleção, não tenho bases morais para permanecer no cargo”, declarou o dirigente em entrevista coletiva.

Akhalkatsi estava há quatro anos na presidência da GSF. Sob o comando do técnico argentino Héctor Cúper, a Geórgia segura a lanterna do grupo 8 da zona europeia, com apenas 3 pontos em oito jogos, e não tem chances de classificação.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo