Europa

Polícia turca ouve suspeitos de manipulação de resultados

Investigadores turcos começaram a ouvir, nesta terça-feira, 12 dos 59 suspeitos de fazerem parte de um escândalo de manipulação de resultados que poderá atingir o Fenerbahçe, atual campeão nacional. O presidente do clube, Aziz Yildirim, é um dos acusados, junto com pelo menos cinco outros dirigentes.

Entre os primeiros suspeitos ouvidos, está o atacante nigeriano Emmanuel Emenike, que defendeu o Karabukspor na última temporada e se transferiu para o Fenerbahçe, clube que não enfrentou alegando lesão. O goleiro Korcan Celikay, do Sivasspor, também figura entre os detidos.

O Fenerbahçe, que venceu 16 das 17 partidas do returno, garantiu o título turco na última rodada, mas é acusado de ter fornecido propina a jogadores para que jogassem mal ou não jogassem partidas contra o clube. Os valores girariam em torno dos U$$ 100 mil.

O jornal turco “Sabah” publicou o que seriam diálogos telefônicos entre dirigentes e um jogador, no qual o atleta admite que “não teria jogado para fazer gols contra o Fenerbahçe”. A polícia se recusou a comentar a investigação, mas, caso seja considerado culpado, poderá ser rebaixado para a segunda divisão.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo