Champions League

Red Bull Salzburg toma gol no fim e vê seu sonho de ir à Champions ruir pela oitava vez

Desde 2006, o Red Bull Salzburg acumula sete títulos do Campeonato Austríaco. Força hegemônica no país e, em teoria, um figurante notável na Europa Central. Apenas em teoria. Porque, pela oitava vez, os Touros Vermelhos caíram nas preliminares da Champions League. E em nenhuma das tentativas anteriores eles estiveram tão próximos de concretizar o sonho. Com um gol de Valentino Lazaro, o Salzburg ia avançando contra o Dinamo Zagreb até os 42 minutos do segundo tempo, quando Junior Fernándes arrancou o empate por 1 a 1, igualando o placar da ida e deixando o confronto seguir para a prorrogação. E, no tempo extra, os croatas fizeram ruir os planos da empresa de energéticos em plena Áustria: o argelino Hilal Soudani anotou o tento da classificação.

VEJA TAMBÉM: Assim ficaram os potes para o sorteio da fase de grupos da Champions, nesta quinta

Considerando o antigo Austria Salzburg, que deu origem ao Red Bull, o clube até já figurou na fase de grupos da Liga dos Campeões. Em 1994/95, caiu numa chave complicadíssima, que também contava com Milan e Ajax. Desde a venda para a marca local, no entanto, o investimento alto nunca repercutiu no principal torneio da Europa. Os Touros Vermelhos fracassaram tanto contra adversários tradicionais (como Valencia, Shakhtar e Fenerbahçe) quanto para azarões (e ninguém exemplifica melhor isso do que o Dudelange, de Luxemburgo, algoz em 2013). Atualmente, o nível técnico do elenco encabeçado por Jonathan Soriano até está abaixo em relação a outras temporadas. Ainda assim, não deixa de ser uma decepção.

Como prêmio de consolação, o Red Bull Salzburg participará da fase de grupos da Liga Europa pela sexta vez. A classificação para os mata-matas costuma vir, muitas vezes sem sobressaltos. Mas os austríacos parecem ter um bloqueio também na segunda competição continental. Nunca passaram das oitavas de final – e isso porque, em três oportunidades, terminaram a sua chave entre 16 e 18 pontos. Uma nova tentativa virá agora.

Por outro lado, o Dinamo Zagreb se consolida como um dos melhores clubes do Leste Europeu na atualidade. Os croatas vão para a décima participação consecutiva em fases de grupos de torneios continentais, quatro delas na Champions. Tudo bem que as aventuras contra as principais potências europeias não costumam ir além disso, mas a fortuna garantida pela presença ajuda o clube a sustentar a sua hegemonia. Dono de uma excelente categoria de base, o Dinamo ainda tem feito contratações interessantes em mercados secundários, como Portugal e Chile. Um sucesso que, de certa forma, serve de modelo para o Red Bull Salzburg observar.

Chamada Trivela FC 640X63

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo