Champions League

Real Madrid terá enorme desfalque para a final da Champions League

Campeão de La Liga encara o Borussia Dortmund no próximo dia primeiro de junho, em Wembley

Um dos pilares do meio-campo do Real Madrid vai desfalcar o atual campeão da La Liga na grande final da Champions League, que acontece no próximo dia primeiro de junho em Wembley. O francês Aurelien Tchouaméni sofreu uma lesão no terceiro metatarso do pé esquerdo após o confronto diante do Bayern de Munique, ainda pela semifinal da competição continental, e pode não entrar em campo na grande final. As informações são do jornal Marca.

Apesar do Real Madrid não ter confirmado a ausência do volante oficialmente, Tchouaméni não foi relacionado para nenhum dos três compromissos do time espanhol após o jogo de volta da semifinal da Champions League. Ainda segundo o Marca, o francês recebeu a informação de que não estará recuperado a tempo para a disputa da decisão após consulta feita pelo jogador nos Estados Unidos. A lesão é a mesma que sofreu no fim de outubro de 2023, no entanto, não vai deixá-lo fora dos gramados por tanto tempo.

Além da final da Champions League, Tchouaméni pode perder a disputa da Eurocopa, caso não apresente evolução de sua recuperação a tempo da disputa do torneio. O volante está na lista de convocados de Didier Deschamps, mas pode ser cortado, assim como seu compatriota Lucas Hernández, cortado da seleção após se lesionar no duelo contra o Borussia Dortmund.

Camavinga pode ganhar a vaga no meio-campo do Real Madrid

Sem Tchouaméni, o técnico Carlo Ancelotti tem a opção de colocar, Eduardo Camavinga, compatriota do volante, como substituto para o confronto contra o Borussia Dortmund. Embora tenha menos poder de marcação do que o meio-campista titular, com a entrada do substituto, o time madrilenho ganhará mais uma opção de criação, e melhor qualidade na saída de bola.

Camavinga disputou 44 jogos nesta temporada, e contribuiu com quatro assistências. O volante nascido na cidade de Cabinda, em Angola, é conhecido por seu chute de média distância, e por sua facilidade em pisar na área adversária. A presença do jogador na vaga de Tchouaméni pode ser um trunfo ao Real Madrid, caso o Borussia Dortmund tente jogar de forma mais defensiva.

Com 1,82 metros de altura, Camavinga pode se tornar uma boa opção nas bolas aéreas ofensivas, e também defensivas, já que este tipo de lance é uma das principais formas de ataque da equipe alemã.

Por que Tchouaméni perderá a final da Champions League?

  • O francês sofreu uma lesão no terceiro metatarso do pé esquerdo durante a volta da semifinal da Champions League contra o Bayern de Munique;
  • Esta é a segunda vez em menos de um ano que o francês sofre o mesmo tipo de lesão. Em outubro de 2023, o jogador ficou afastado por 50 dias pelo mesmo motivo;
  • Embora o tempo de recuperação deste tipo de lesão seja considerável, exames feitos pelo atleta nos Estados Unidos atestaram que o jogador ficará fora da final da Champions, mas por um tempo mais breve do que sua última lesão;
  • Caso não apresente melhora em seu processo de recuperação, Tchouaméni pode perder a disputa da Eurocopa, que começa no próximo dia 14 de junho na Alemanha.
Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Lucas de Souza é jornalista formado pela Universidade São Judas em São Paulo. Possui especialização em Marketing Digital pela Digital House, e passagens pelos sites Futebol na Veia e Futebol Interior.
Botão Voltar ao topo