Champions League

O Gladbach reafirmou sua força com outra goleada sobre o Shakhtar, desta vez por 4 a 0

O Borussia Mönchengladbach vinha de boas partidas contra Internazionale e Real Madrid no início de sua campanha na Champions League, mesmo sem conquistar a vitória. Os duelos contra o Shakhtar Donetsk, em compensação, deixaram expressa a força dos Potros em forma de goleada. Os 6 a 0 em Kiev podem até exagerar a diferença entre os times, mas o reencontro no Borussia Park provou como o placar dilatado não foi mero acaso. De novo o Gladbach atropelou o Shakhtar, desta vez por 4 a 0.

A principal característica do Borussia Mönchengladbach é o jogo direto. A partir da pressão alta, os Potros conseguem chegar ao gol adversário com poucos toques. Mais uma vez essa virtude prevaleceu, com agressividade desde os primeiros minutos. As chances não demoraram a surgir e os alemães abriram o placar a partir de um pênalti, que Marcus Thuram sofreu. Lars Stindl converteu e botou o time da casa em vantagem aos 17. Logo depois, Breel Embolo quase ampliou, ao carimbar a trave.

O Shakhtar Donetsk até parecia mais ciente da força do Gladbach, sem sofrer a sangria vista no encontro anterior em Kiev. Não era isso, porém, que permitia aos ucranianos a contenção total dos alemães. A capacidade dos Potros no jogo aéreo ficou evidente e permitiu a goleada. Aos 34, Stindl cobrou escanteio e Nico Elvedi cabeceou firme para ampliar. Já nos acréscimos, a partir de uma cobrança de falta na intermediária, ninguém conseguiu desviar às redes e a sobra caiu limpa a Embolo. O suíço fez mágica, ao emendar uma bicicleta à queima-roupa.

O Shakhtar voltou mais ofensivo ao segundo tempo, mas sem conseguir romper a defesa do Gladbach. Os Potros também não precisavam acelerar, mas chegaram ao quarto gol aos 32 minutos. Oscar Wendt cobrou uma falta lateral para que algum companheiro arrematasse. Ninguém desviou e o cruzamento entrou direto nas redes. Já no fim, nem o gol de honra os ucranianos conseguiram. Apesar da insistência, Yann Sommer realizaria boas defesas para manter sua meta invicta.

O Gladbach chega aos oito pontos no Grupo B da Champions. Encaminha ao menos a vaga na Liga Europa e ganha mais força para avançar às oitavas de final da Champions, deixando a bomba no colo dos concorrentes. Já o Shakhtar precisará se reerguer nos encontros com Real Madrid e Inter se quiser avançar. Os ucranianos têm quatro pontos.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo