Champions League

Mbappé (para variar) e Barcola brilharam e deram ao PSG uma boa vantagem contra a Real Sociedad

Após 1º fraco e pouco inspirado do PSG, dupla francesa chama a responsabilidade e comanda vitória parisiense no jogo de ida das oitavas da Champions League

Quando saiu o sorteio das oitavas de final da Champions League, o confronto PSG x Real Sociedad chamou atenção pelo equilíbrio e imprevisibilidade. Afinal, mesmo com seu elenco milionário, o clube parisiense não costuma ser confiável quando o assunto é a competição continental. Já a equipe do País Basco é considerada uma das grandes sensações da Europa e faz temporada de destaque até aqui. Bom, nos primeiros 90 minutos desta história, melhor para os franceses. No Parque dos Príncipes, o PSG fez o dever de casa, venceu os espanhóis por 2 a 0, nesta quarta-feira (14), e largou na frente.

A partida de volta das oitavas de final entre Real Sociedad x PSG está marcada para o dia 5 de março. A bola rola a partir das 17h (horário de Brasília), no Estádio Municipal de Anoeta.

Após início forte do PSG, Real Sociedad iguala as ações e termina melhor o 1º tempo

Jogando em seus domínios, o PSG tomou a iniciativa e pressionou muito a Real Sociedad nos primeiros minutos. Aos 6′, na primeira boa chance da partida, Mbappé quase colocou os mandantes em vantagem. Dembélé roubou a bola no meio-campo e acionou o camisa 7, que disparou em velocidade, invadiu a área e chutou cruzado, obrigando Remiro a fazer defesa providencial. Passes curtos, lançamentos longos e controle do jogo. A equipe parisiense colocava os visitantes na roda e mostrava tranquilidade e paciência para encontrar os espaços.

Contudo, apesar desta superioridade do PSG em campo, no outro lado tinha um time resiliente e osso duro de roer. Não a toa, a Real Sociedad entrou em campo sem saber o que é derrota na atual edição da Champions. Dito isso, aos 18′, Kubo tratou de dar seu cartão de visitas. O meia-atacante japonês fez um verdadeiro salseiro no lado direito, passou com facilidade por Beraldo e arrematou para fora. Pouco tempo depois, aos 21′, mais uma boa jogada individual do asiático. O jovem de 22 anos encarou a marcação de Danilo Pereira e cruzou na cabeça de André Silva que, posicionado entre os dois zagueiros, testou consciente e tirou tinta da trave de Donnarumma.

Após o início forte do PSG e a excelente defesa de Remiro no chute de Mbappé, a Real Sociedad equilibrou as ações. O time do País Basco conseguiu frear o ímpeto ofensivo dos mandantes e criar boas situações de perigo. E a melhor delas veio com 45′ no relógio. Merino recebeu na entrada da área, percebeu a marcação frouxa e à distância da equipe francesa e soltou um petardo dali mesmo. A bola ganhou em velocidade na trajetória e carimbou o travessão.

Mbappé e Barcola garantem boa vantagem para o PSG

Veio o 2º tempo e o equilíbrio se manteve. Marcação forte, jogo físico e pouquíssimos espaços. Essa era a configuração da partida, que irritava profundamente a torcida parisiense presente no Parque dos Príncipes. Até que aos 12′, Mabappé, sempre ele, desafogou a massa. Em cobrança de escanteio de Dembélé, Marquinhos desviou de cabeça na altura da marca do pênalti e achou o camisa 7 no segundo pau. De primeira, o atacante francês esticou a perna e estufou as redes de Remiro.

O gol mudou completamente o jogo. O PSG se encheu de confiança e, empurrado pelos torcedores, partiu com tudo em busca do segundo. A Real Sociedad, por sua vez, acusou o golpe. A equipe do País Basco baixou suas linhas e passou a errar em lances bobos. Melhor para os parisienses, que ficaram muito perto de ampliar a vantagem. Aos 18′, Mbappé roubou a bola de Barrenetxea já no campo de ataque, avançou e soltou uma bomba no travessão. Atento e bem posicionado, Remiro conseguiu o desvio antes dela explodir no poste e evitou o pior. Porém, mal sabia ele que o pior (de verdade) estava prestes a acontecer…

Aos 25′, em contra-ataque rápido e letal, o PSG aumentou. Fabián Ruiz recebeu bom passe de Dembélé no meio-campo, levantou a cabeça e enxergou Barcola em liberdade no lado esquerdo. O camisa 8 não titubeou e acionou o atacante francês, que passou como quis por Hamari Traoré e tocou na saída de Remiro: 2 a 0.

Estatísticas de PSG 2 x 0 Real Sociedad – Champions League 2023/2024

  • Posse de bola: 63% x 37%
  • Faltas: 6 x 15
  • Finalizações: 14 x 9
  • Finalizações no gol: 6 x 0
Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo