Champions League

Depois de quase falir, Rostov arrasa Ajax para chegar à fase de grupos da Champions

O Rostov surpreendeu todo mundo na Rússia na temporada passada, quando era só um candidato ao rebaixamento – talvez o maior deles, aliás – e acabou sendo vice-campeão. A boa colocação rendeu uma vaga na preliminar da Champions League, o que já parecia demais. O sorteio colocou o time no caminho do tradicional Ajax. Sem problemas: o Rostov tratou de surpreender de novo. Venceu nesta quarta-feira por 4 a 1 em casa, depois de empatar por 1 a 1 na Holanda, e participará da fase de grupos da Champions League, o que pode salvar a situação do clube.

LEIA TAMBÉM: Confronto com Beer Sheva rende muito dinheiro ao Celtic. E aos palestinos

O Rostov chegou a ser ameaçado de perda de pontos pelas suas dívidas na temporada 2014/15. Escapou do rebaixamento nas últimas rodadas e ficou ameaçado em 2015/16 de sofrer punições por não pagar os credores. Vendeu seus principais jogadores e, mesmo assim, brigou com o CSKA Moscou até a última rodada do Russão pelo título. Não conseguiu. Veio a vaga na fase preliminar da Champions League e o confronto com o tradicional Anderlecht, com vitória russa. Já era o prólogo. O time não teve medo de encarar alguém com mais cancha. Agora, o sonho se tornou realidade com a classificação à fase de grupos.

O empate por 1 a 1 na Holanda já era para dar esperança. O jogo de volta foi muito mais do que isso. No primeiro tempo, o time abriu o placar com Azmoun, aos 34 minutos. O Ajax ainda precisava do empate para levar à prorrogação, ao menos, e por isso começou o segundo tempo em cima. Não demorou, porém, ao Rostov fazer a festa na defesa holandesa.

Foram três gols no espaço de 14 minutos. Erokhin fez 2 a 0 aos sete minutos; Noboa amplicou aos 15 e Poloz marcou 4 a 0 aos 21. O Ajax ainda diminuiu aos 39 minutos, depois que Kudryashov foi expulso ao cometer um pênalti e Klaassen cobrou e diminuiu.

Ao Ajax, resta a vergonha. A eliminação joga o time para a Liga Europa. É uma competição importante, mas a decepção, que começou na perda do título holandês na reta final e culmina agora nesta eliminação precoce na Champions League. Agora é ver como o time reagirá diante de mais essa eliminação – como, aliás, já tinha acontecido na temporada 2015/16, em uma fase até anterior, a terceira preliminar. Está na hora de rever alguma coisa.

Com a classificação à fase de grupos, o Rostov garante mais seis jogos e, ao menos, € 12 milhões nos seus cofres, sem falar em bilheteria. Por isso, a classificação é um imenso alívio para o clube, que fica no sul da Rússia. Os problemas de pagamentos de salários não devem continuar. E o clube ainda vai poder, quem sabe, enfrentar alguns dos melhores clubes do futebol europeu. Veremos nesta quinta-feira, no sorteio da fase de grupos, qual será o destino do clube russo na competição. Ao menos em termos de adversários.

Chamada Trivela FC 640X63

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo