Champions League

Agüero afasta desastre na Champions, mas Manchester City ainda tem desafio pela frente

Depois de ver a Roma tropeçar no último minuto em Moscou, o Manchester City entrou em campo animado. Sabia que não deixaria o gramado do estádio Etihad eliminado, mas principalmente sabia que uma vitória o colocaria em uma posição boa novamente para a classificação. E o jogo deu indício que seria uma noite feliz para os citizens, com expulsão do adversário, pênalti a favor e um gol de Agüero. O problema é que faltou combinar com os alemães, que jogaram com uma tranquilidade incrível e viraram o jogo por 2 a 1 mesmo com um a menos. E o roteiro da tragédia do time azul já estava desenhado, o discurso da falta de costume na Champions League já estava sendo resgatado… E aí Agüero virou o jogo com gols no final, um deles nos acréscimos, e jogou o Manchester City de volta à briga, com toda força. Mas falta uma barreira a ser superada, na última rodada.

BARCELONA: Veja o primeiro gol de Suárez com a camisa do Barcelona

O pênalti de Mehdi Benatia foi aos 21 minutos do primeiro tempo. Sergio Agüero colocou o time da casa em vantagem com o pênalti. Com 1 a 0 no placar, tudo parecia encaminhado, mas o Bayern, tranquilo em campo, virou o jogo ainda no primeiro tempo. Xabi Alonso, aos 40, e Robert Lewandowski, aos 45, colocaram o time alemão em vantagem. E o desespero do City ficou evidente no time. A tragédia em casa, mais uma vez, desenhada.

O segundo tempo manteve os contornos dramáticos no jogo. O Bayern controlando o jogo, com seus muitos passes, e o Manchester City ansioso, quase desesperado. Eis que surge Agüero. Aos 40, ele empatou o jogo, dando aquela sensação de prejuízo amenizado. Mas Agüero é especialista em gols improváveis com a camisa azul do time de Manchester. Lembrando aquele gol do título do Manchester City em 2012, ele marcou novamente aos 46, virou o jogo, e deu a vitória ao Manchester City. Vitória, 3 a 2, de virada, e com o time ainda com uma boa chance de classificação. Ao menos em tese.

Na última rodada, em Roma, o Manchester City precisa vencer. Um empate só é interessante se for por dois ou mais gols e, mesmo assim, se o CSKA não vencer o Bayern em Munique. A Roma leva a vaga se empatar por 0 a 0 ou se vencer o jogo, evidentemente.

Por isso, o Manchester City ainda tem uma tarefa pela frente. A vitória heroica por 3 a 2 nesta quinta rodada manteve o time vivo na Champions League quando o cenário chegou a se desenhar desastroso em vários momentos do dia. O que não exclui o fato que é um grande desafio. O Manchester City é mais time, tecnicamente, que a Roma. Chega embalado na última rodada. Mas em campo, vimos a Roma igualar o confronto em Manchester. Então, tudo deve ser definido com muito equilíbrio na partida. Será um dos grandes jogos a se ver na rodada final.

Veja os gols de Agüero:

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo