Europa

Quem já foi campeão? Veja os campeonatos europeus que já estão decididos

Ao menos seis das principais ligas do Velho Continente já conhecem seus campeões da temporada 2023/2024

Vamos chegando ao fim de mais uma temporada no futebol europeu. Muitas histórias foram contadas e outras emoções vivenciadas ao longo deste ano esportivo no Velho Continente, ao passo que, lentamente, vamos conhecendo os grandes campeões de cada uma das grandes ligas do cenário. De todas as grandes competições nacionais, somente a Premier League ainda não definiu seu campeão, em disputa que envolve Arsenal, Manchester City e Liverpool.

No mais, já conhecemos os campeões das ligas da Espanha, Alemanha, França, Holanda, Itália, e agora Portugal, que chegou ao seu 20º título do Campeonato Português neste final de semana, com duas rodadas de antecedência. Sendo assim, entre grandes surpresas, e outras nem tão surpresas assim, detalharemos os campeões antecipados de cada uma das grandes ligas do continente europeu.

Os campeões europeus da temporada 2023/2024

La Liga – Real Madrid

Com uma campanha dominante do início ao fim da competição, em certo momento, o Real Madrid chegou a disputar ponto a ponto com o surpreendente Girona. Contudo, quando assumiu a ponta da La Liga, não soltou mais, engatou uma grande sequência de resultados positivos, e confirmou o título no último final de semana. O time madrilenho bateu o Cádiz por 3 a 0 com o time reserva, e ainda contou com a ajuda do Barcelona, que perdeu para o Girona por 4 a 2.

Bundesliga – Bayer Leverkusen

Neverkusen nunca mais! Este será o mantra dos torcedores do Leverkusen após a primeira conquista de Bundesliga da história do clube. Treinado por Xabi Alonso, a grande sensação do futebol europeu nesta temporada desbancou a hegemonia de 11 anos do poderoso Bayern de Munique, e mais do que isso, caminha a passos largos para terminar a temporada sem perder um jogo sequer. O time ainda disputa a semifinal da Liga Europa, e neste final de semana venceu o Eintracht Frankfurt por 5 a 1, fora de casa.

Ligue 1 – PSG

Focado na classificação para a final da Champions League, o PSG também já garantiu o título da Ligue 1 antecipadamente, após bater o Lorient por 4 a 1 em jogo atrasado da 29ª rodada da competição. O Paris Saint-Germain ainda contou com o auxílio do Mônaco, que perdeu para o Lyon por 3 a 2 e agora não pode mais alcançar o time parisiense. Mbappé, Barcola, Kolo Muani, Gonçalo Ramos e Marquinhos foram apenas alguns dos destaques de mais uma campanha dominante do time francês no cenário local.

Campeonato Holandês – PSV

O time de Eindhoven garantiu o título nacional com duas rodadas de antecedência após bater o Sparta Rotterdam por 4 a 2 no último final de semana. A equipe dos brasileiros André Ramalho e Mauro Júnior conquistou o Campeonato Holandês pela 25ª vez, e pretende agora alcançar a melhor campanha da história da competição. O PSV tem 87 pontos ganhos em 32 jogos, e caso consiga vencer seus dois próximos compromissos chegará aos 93 pontos, com 30 vitórias, três empates e somente uma derrota.

Somente o Ajax de Cruyff na temporada 1971/1972 conseguiu desempenho tão dominante no cenário holandês. Treinados por Peter Bosz, o PSV também visa quebrar o recorde de saldo de gols no torneio. Atualmente a equipe tem 88 de saldo positivo, tendo marcado 107 gols e sofrido apenas 19, estando a dois gols de saldo de quebrar a marca do Ajax da temporada 1997/1998, que fechou a temporada com 90 gols de saldo.

Serie A – Internazionale

Com 28 vitórias, cinco empates e somente duas derrotas por enquanto, a Internazionale pintou a Itália de azul e preto pela 20ª vez na história. Montado em um sistema 3-5-2 muito sólido pelo técnico Simone Inzaghi, o time da capital italiana sobrou na competição, e conquistou mais um Scudetto após vencer o maior rival Milan por 2 a 1 na 33ª rodada. Lautaro Martínez, Marcus Thuram, Mkhitaryan, Çalhanoglou e Dimarco foram alguns dos destaques de mais um título italiano da Inter nesta temporada.

Campeonato Português – Sporting

O Sporting garantiu seu 20º título nacional depois que o Benfica foi derrotado pelo Famalicão neste final de semana pelo placar de 2 a 0. Os Leões tem 84 pontos, contra 76 do rival, e não pode mais ser alcançado na tabela. Foi o segundo título nacional nos últimos quatro anos, e o sucesso recente da equipe se deve principalmente ao trabalho do treinador Ruben Amorim.

Antes da chegada do treinador, o Sporting amargava um jejum de 19 anos sem conquistas. A partir de sua contratação, Amorim ganhou seis títulos em pouco mais de quatro anos de trabalho, e pode aumentar ainda mais a marca, caso vença a Taça de Portugal desta temporada diante do Porto.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo